Goiás

Edival Lourenço deve ser o secretário de cultura no governo de Ronaldo Caiado

Para terminar de desmembrar a Seduce, falta a indicação do secretário de Esportes.
26/12/2018, 15h04

O Governador eleito de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), ainda não terminou de nomear os 17 secretários de sua gestão, que aos poucos a população goiana vai conhecendo. Mas o próximo nome a ser anunciado por Caiado deve ser o do atual presidente da União Brasileira dos Escritores Seção Goiás (UBE-GO), Edival Lourenço, para a Secretária de Cultura.

Até o momento, o democrata apresentou os nomes de Rodney Miranda para Secretaria de Segurança Pública (SSPGO); Ismael Alexandrino para a Secretária de Estado da Saúde (SES); Adriano da Rocha Lima para Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED); Marcos Cabral para Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDS); Wilder Morais para Secretaria de Industria e Comércio; Cristiane Schmidt para Secretaria da Fazenda (Sefaz); Ernesto Roller para Secretaria de Governo; Fátima Gaviolli para Secretaria Estadual de Educação; Vassil Oliveira para Secretaria de Comunicação e Anderson Máximo de Oliveira para Casa Civil.

Além destes nomes, o governador eleito apresentou também o nome de Ricardo Soavinki como presidente da Saneago; Marcos Roberto como presidente do Detran e José Soter como Operacional do Detran.

Assessoria de Caiado ainda não confirma Edival Lourenço

Embora a informação já tenha sido divulgada pelo jornal O Popular a assessoria de Caiado não confirmou se o escritor é quem irá assumir a Secretária de Cultura. Segundo a assessoria, falta apenas um posicionamento de Ronaldo Caiado para confirmar o nome do escritor como secretário em sua gestão.

Caiado disse em várias oportunidades que iria ter 17 secretarias, extinguindo as extraordinárias e desmembrando as que foram unificadas em 2014 pelo então governador Marconi Perillo (PSDB). Com a confirmação do nome de Edival Lourenço para cultura, o democrata praticamente desmembra o que hoje é a Secretaria de Educação Cultura Esporte e Lazer (Seduce).

Uma vez que Caiado já indicou Fátima Gavioli para ser a secretária de educação e agora o escritor Edival Lourenço pode assumir a pasta de cultura. Com os nomes definidos para Educação e Cultura, quando indicar o nome para a Secretaria de Esportes do Estado de Goiás, o desmembramento da Seduce vai estar completo.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Mundo

Indonésia pede que população evite costa por onde passou tsunami

Tsunami foi causado por um vulcão em erupção e matou ao menos 430 pessoas no fim de semana.
26/12/2018, 15h15

Autoridades da Indonésia pediram à população e aos turistas que evitem a costa por onde passou o tsunami, que matou ao menos 430 pessoas no fim de semana. As ondas gigantes que se seguiram após a erupção do vulcão Anak Krakatoa (“Filho de Krakatoa”) devastaram as comunidades do Estreito de Sunda na noite de sábado, 22.

A erupção é considerada a causa de deslizamentos de terra no vulcão, aparentemente em sua encosta e debaixo d’água, deslocando as massas de água que invadiram as ilhas de Java e Sumatra.

A Agência de Meteorologia Geofísica e Climatologia da Indonésia pediu às pessoas que fiquem ao menos 500 metros da costa ao longo do Estreito, que está localizado entre as duas ilhas.

O órgão monitora as erupções do Anak Krakatoa, enquanto as tempestades continuam a prejudicar a região, informou a líder da agência, Dwikorita Karnawati. “Todas essas condições têm potencial para causar deslizamentos de terra nas montanhas, e tememos que isso possa desencadear um tsunami”, explicou ela em uma entrevista coletiva. Dwikorita pediu que as comunidades permanecem em alerta e não entrem em pânico.

Mau tempo

Equipes de resgate do país enfrentaram chuvas intensas nesta quarta, 26, para chegar a áreas remotas do litoral oeste de Java em meio a um alerta de “condições climáticas extremas”. Temporais assolaram vilarejos de pescadores ao longo da costa, cobrindo estradas de lama e atrasando comboios que levam máquinas pesadas e ajuda a áreas isoladas.

Nuvens de cinzas emanam do vizinho Anak Krakatoa, quase obscurecendo a ilha vulcânica. A agência de meteorologia disse que o clima ruim pode fragilizar a cratera do vulcão.

De acordo com o balanço mais recente, há 430 mortos e ao menos 159 pessoas estão desaparecidas. Quase 1,5 mil ficaram feridas e mais de 21 mil foram levadas para terrenos mais elevados. Um estado de emergência vigorará até o dia 4 de janeiro. (Com agências)

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Em depoimento dado hoje, João de Deus diz que "nunca abusou de ninguém"

O depoimento foi dado aos promotores da força-tarefa do Ministério Público de Goiás (MP-GO) que investiga as acusações de crimes sexuais contra o médium.

Por Ton Paulo
26/12/2018, 15h33

Em depoimento prestado na manhã desta quarta-feira (26/12), o médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, negou as acusações a ele atribuídas e disse que não abusou das mulheres que relatam os casos. O depoimento foi dado aos promotores da força-tarefa do Ministério Público de Goiás (MP-GO) que investiga as acusações de crimes sexuais apresentadas por centenas de mulheres do Brasil e do exterior.

A ida de João de Deus para o MP-GO teve uma pesada escolta policial, com carros blindados e policiais encapuzados. Uma viatura se posicionou na entrada do prédio para que, na saída do médium, sua imagem não fosse exposta.

De acordo o advogado Alex Neder em entrevista à Agência Brasil, que acompanhou o depoimento, os promotores de Justiça Luciano Miranda Meireles e Paulo Eduardo Penna Prado se fixaram em três dos casos que estão sendo apurados pelo MP goiano – segundo o qual já foram coletados 78 depoimentos formais de mulheres de todo o país que se apresentam como vítimas de abuso sexual de João Teixeira.

Segundo Neder, João de Deus respondeu a todas as perguntas, negando a todas as acusações. Neder ainda declarou que o médium não identificou a nenhuma das três denunciantes, e garantiu que não se lembra delas. Além disso, João de Deus reafirmou que os atendimentos “espirituais” que oferece ocorrem às vistas de muitas pessoas que frequentam a Casa Dom Inácio de Loyola,em Abadiânia.

“Ele explicou pormenorizadamente aos promotores que as fotos dos locais em que, segundo as mulheres, teriam ocorrido o abuso, indicam locais abertos, onde sempre há muita gente esperando ser atendida ou o auxiliando”, comentou o advogado, afirmando que, segundo a explicação do médium, as fotos exibidas pelos promotores são do salão da Casa Dom Inácio, que dá direto para o estacionamento.

Neder disse também que João de Deus garantiu aos promotores que, da forma como foi descrito, os fatos não ocorreram, e revelou que embora já venha acompanhando o caso há alguns dias, a convite do escritório do advogado criminalista Alberto Toron, só hoje teve oportunidade de conversar com o cliente de forma satisfatória.

Defesa de João de Deus pedirá que ele cumpra pena em liberdade, com uso de tornozeleira

O advogado Alex Neder também afirmou após o depoimento de seu cliente que a maior preocupação da defesa é com sua idade e estado de saúde. “Ele tem 76 anos, tem problema de coração e, recentemente, tratou-se de um câncer. O local [Casa de Custódia] é inadequado para alguém de sua idade e que precisa de cuidados médicos e de uma dieta adequada”, disse.

Neder também revelou que a defesa do médium já se movimenta para pedir à Justiça que ele cumpra pena fora da cadeia, usando tornozeleira eletrônica, “Estamos pleiteando a soltura e a possibilidade dele responder aos processos em casa, se necessário, com tornozeleira”, acrescentou, comentando o fato de, além dele, o médium contar com o assessoramento jurídico de dois dos mais prestigiados – e caros – advogados do país: Alberto Toron e Antônio Carlos de Almeida Castro.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

11 lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia

Não é preciso procurar muito para encontrar um bom vinho em Goiânia. A capital conta com diversas adegas e restaurantes com cartas variadas e de qualidade. Confira!
26/12/2018, 16h00

O vinho não está presente apenas nas taças, mas também nos poemas e em toda a história da humanidade. Não se sabe exatamente a data em que a bebida foi criada, mas estima-se que tenha sido antes mesmo do nascimento da escrita. A grande questão é que os bons vinhos sempre serviram como fonte de inspiração e podem até mesmo trazer benefícios para a saúde, como melhorar a saúde mental, proteger contra certos tipos de câncer e ainda fornecer benefícios para o coração. Mas é claro, apenas quando não é consumido em excesso. Se você é um apreciador da bebida e procura um bom lugar para tomar vinho em Goiânia, podemos te ajudar!

Pela capital existem diversas adegas e restaurantes que oferecem para seus clientes uma variada carta de vinhos, com rótulos vindos de diversos países. Sempre há uma opção e estilo para cada gosto e o melhor, boa parte desses lugares ainda oferecem acompanhamentos que caem perfeitamente bem. Dá uma olhada!

Veja lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia:

1 – Empório Confrades

x lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

O Empório Confrades foi inaugurado no ano de 2013, motivado pela paixão de 3 amigos pelo bom vinho. A estrutura do ambiente foi planejada com todo o cuidado para garantir beleza e harmonia, já que a apreciação de um vinho requer também um ambiente à altura.

No local é possível encontrar rótulos brasileiros, sul-americanos, europeus e de todas as partes do mundo. Além disso, ainda é possível encontrar excelentes acompanhamentos, como queijos, salames, massas, geleias, entre outros. É o lugar perfeito para reunir os amigos e organizar uma boa confraria! Alta gastronomia e excelentes vinhos não faltam na casa!

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 10h às 00h

Telefone: (62) 3931-0885

Endereço: Qd. 04, Lt. 03, nº, Av. Eng. Eurico Viana, 92 – Alto da Glória, Goiânia – GO, 74815-725

2 – Zen Adega e Restaurante

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Localizado no Setor Jaó, o Zen Adega e Restaurante é uma excelente escolha para quem deseja saborear um bom vinho em Goiânia. Presente no mercado há mais de 19 anos, é um ótimo destino para ir a dois, sendo possível encontrar pratos sofisticados e cuidadosamente preparados, acompanhados de uma seleta carta de vinhos que agradam até o mais refinado gosto.

Tudo isso ainda pode ser apreciado em um ambiente rústico e à luz de velas, garantindo uma experiência única e inesquecível! Vale a pena conhecer!

Horário de atendimento: terça a sábado, das 18h às 2h

Telefone: (62) 3204-2440

Endereço: Rua J-72, Quadra 124, Lotes 12/13 – St. Jao, Goiânia – GO, 74674-390

3 – Adega Suíça

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Para quem pretende degustar um bom vinho em Goiânia, a Adega Suíça também pode ser uma boa opção! O empório conta com um ambiente aconchegante e bem decorado, garantindo experiências únicas. É ideal para um happy hour com os amigos, já que é possível encontrar uma carta de vinhos com rótulos de diversos países e com vários estilos.

Ainda é possível pedir bons petiscos para acompanhar! Destaque também para o custo x benefício, que é um dos melhores da capital!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 10h às 20h / sábado, das 8h às 13h

Telefone: (62) 3091-5770

Endereço: Av. C-233, 665 – St. Nova Suica, Goiânia – GO, 74280-165

4 – Berenguer Vinhos

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

No mercado desde 2004, o grupo nasceu com o nome de “Vinhos e Cia”, mas à medida que o tempo foi passando, os negócios foram se expandindo e houve a necessidade de implantar algumas mudanças. Assim, mudaram de nome e a nova sede se encontrava na cidade de Curitiba.

No ano de 2011 a empresa passou por uma nova etapa, expandindo ainda mais sua área de atuação. Apenas para que você tenha ideia, atualmente estão presentes em 10 estados brasileiros! Em Goiânia, é possível encontrar vinhos da África do Sul, Argentina, Chile, Espanha e Portugal, sempre da mais alta qualidade.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 9h às 20h30 / sábado, das 9h às 15h

Telefone: (62) 3091-5001

Endereço: Av. T-63, 848 – St. Bueno, Goiânia – GO, 74230-100

5 – Restaurante Bartolomeu

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Com um ambiente bastante acolhedor e aconchegante, o restaurante conta com um cardápio variado e sofisticado, sendo que as especialidades da casa vão para as carnes assadas no forno a lenha, incluindo leião à pururuca e um excelente buffet gastronômico.

Destaque também para a carta de vinhos, que conta com diferentes origens e estilos, sempre com uma opção para cada gosto. Vale a pena conferir e experimentar!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 18h às 00h / sábado e domingo, das 11h às 00h

Telefone: (62) 3215-4500

Endereço: R. 22, 69 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74971-230

6 – Raro Vinho e Bistrô

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Com um espacinho bastante intimista e acolhedor, o Raro Vinho e Bistrô é excelente para quem pretende saborear deliciosos pratos italianos e um bom vinho em Goiânia. O cardápio é variado e sempre muda de acordo com a disponibilidade de ingredientes frescos, tudo para garantir qualidade e sabores únicos.

A carta de vinhos da casa também é variada e é possível encontrar rótulos de diversas partes do mundo, sempre de alta qualidade e dos sabores mais refinados.

Horário de atendimento: segunda, das 11h30 às 14h / terça a quinta, das 11h30 às 14h e das 19h às 22h / sexta, das 11h30 às 14h e das 19h às 23h / sábado, das 19h às 23h

Telefone: (62) 3278-2962

Endereço: Rua 9, 2470 – 2 – St. Marista, Goiânia – GO, 74150-130

7 – Porto Cave

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

A Adega Restaurante Porto Cave foi fundada ainda no ano de 2003, mas inicialmente foi planejada apenas como uma simples adega, onde o prato de bacalhau e alguns petiscos do norte de Portugal eram os únicos alimentos servidos na casa. No entanto, com o passar do tempo foram atraindo cada vez mais público, fazendo com que o restaurante fosse implementado.

Dessa forma, o Porto Cave acabou se transformando em um dos maiores divulgadores da gastronomia portuguesa, abrindo as portas também para os vinhos do país. E por falar em vinhos, a casa conta com uma carta ampla que valoriza desde os históricos até o vinho rosé e os brancos, de diferentes origens.

Horário de atendimento: terça a sexta, das 11h30 às 15h e das 18h30 às 23h / sábado, das 11h30 às 15h e das 19h30 às 23h / domingo, das 11h30 às 15h

Telefone: (62) 3278-2670

Endereço: R. 28, 210 – St. Marista, Goiânia – GO, 74150-090

8 – Pitigliano Pizzaria

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Esta é uma das pizzarias mais premiadas da cidade, com destaque para a qualidade de seus produtos e serviços. Vale falar também do ambiente, que é bem decorado e permite excelentes refeições entre amigos e família, que sempre podem contar com as melhores pizzas.

E para quem não perde a oportunidade de degustar um bom vinho em Goiânia, a casa também oferece boas opções. Sua carta conta com vinhos tintos, rosados e brancos, sem falar nos espumantes e cervejas especiais.

Horário de atendimento: domingo a quinta, das 18h às 00h / sexta e sábado, das 18h à 1h

Telefone: (62) 3215-5959

Endereço: Av. Portugal, 539 – St. Oeste, Goiânia – GO, 74140-020

9 – Armazém do Churrasqueiro

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

A casa conta com uma steakhouse refinada que serve cortes especiais de variadas carnes, que podem sempre ser acompanhada com opções diversas e refinados vinhos. Apenas para que você tenha ideia, a adega do local conta com mais de 200 rótulos, incluindo nomes espanhóis e franceses.

Horário de atendimento: terça a sexta, das 9h às 16h / sábado e domingo, das 9h às 17h

Telefone: (62) 3245-2085

Endereço: R. 15, 2174 – St. Marista, Goiânia – GO, 74150-020

10 – Empório Piquiras Flamboyant

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

Com excelente atendimento e boa decoração, o Empório Piiquiras do Flamboyant Shopping é um excelente local para levar os amigos e a família, principalmente se a intenção for degustar um bom vinho em Goiânia. Apenas para que você tenha ideia, a adega do local conta com mais de 600 rótulos, além de uma mesa para degustação em seu espaço gourmet. Vale a pena experimentar!

Telefone: (62) 3546-2000

Endereço: Flamboyant Shopping Center – Av. Dep. Jamel Cecílio, 3300 – Loja 179 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-907

11 – Empório Prime

lugares para encontrar um bom vinho em Goiânia
Foto: Reprodução

A casa conta com extensa variedade de produtos nacionais e importados, sempre selecionados por especialistas de renome. A adega é subterrânea e conta com mais de 700 rótulos de vinhos de diversas origens e estilos, sempre agradando aos mais variados gostos.

Ainda é possível encontrar bebidas especiais, queijos, orgânicos, especiarias e muito mais. É uma excelente pedida para quem pretende encontrar um bom vinho em Goiânia e, de quebra, ainda encontrar outros produtos de maior requinte.

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 7h30 às 22h / domingo, das 7h30 às 14h

Telefones: 

  • (62) 3240-9200
  • (62) 3240-8800
  • (62) 3240-9220

Endereços: 

  • Av. 85, 2330 – St. Marista, Goiânia – GO, 74150-150
  • Av. Dep. Jamel Cecílio, 3061 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-100
  • Flamboyant Shopping – Av. Dep. Jamel Cecílio, número 3300 – Jardim Goiás, Goiânia – GO, 74810-100

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Polícia procura mãe que abandonou recém-nascido, em Aparecida de Goiânia

Maternidade tentou impedir a mãe de deixar a unidade, mas sem sucesso.
26/12/2018, 16h19

A Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) procura por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), uma mãe que deu a luz a um menino no último final de semana, mais saiu da Maternidade Marlene Teixeira com o bebê sem alta hospitalar a caminho do Centro da cidade de Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital,  onde abandonou o recém-nascido.

A polícia afirmou ao Portal Dia Online que a mulher teve o bebê em uma unidade pronto atendimento da cidade (UPA) e depois foi encaminhada no domingo (23/12) para a maternidade Marlene Teixeira. Conforme as informações repassadas pela polícia, a mulher, que não teve o nome divulgado, estava com alta prevista para o dia de natal, ou seja, para última terça-feira (25/12). Entretanto a mãe saiu do hospital na segunda-feira (24/12) sem receber a alta hospitalar e foi para o centro de Aparecida doar a criança.

Recém-nascido estava sangrando e foi levado de volta a maternidade

Uma mulher em um bar da cidade pegou a criança e viu que o menino estava com um sangramento na orelha e levou o recém-nascido de volta para maternidade. Ao chegar na unidade hospitalar, os médicos e enfermeiros perceberam que o menino era o mesmo que tinha nascido no último domingo.

Ao saber do que aconteceu, a Polícia acionou o Conselho Tutelar da cidade (CT) que pegou o menino e levou para um abrigo de Aparecida de Goiânia. A DPCA de Aparecida de Goiânia, orienta que a mãe que por alguma razão não possa ficar com a criança procure o conselho tutelar e dê o recém-nascido para adoção. Polícia trabalha agora para encontrar a mãe biológica do menino, para entender a razão dela abandonar o menino.

Em nota, a Maternidade Marlene Teixeira afirmou que recebeu uma mulher que estava em trabalho de parto. A nota traz ainda que depois de receber a Declaração de Nascido Vivo, que permite registrar a criança, a mãe manifestou o desejo de deixar a unidade, os médicos tentaram convencê-la a esperar a alta, mas em vão.

Confira a nota na íntegra

“Na tarde deste sábado, 23, a Maternidade Marlene Teixeira recebeu uma paciente em início de trabalho de parto. Ela foi atendida e deu à luz ainda no mesmo dia. No dia 24, após receber a Declaração de Nascido Vivo (DNV), documento que permite o registro civil do recém nascido, a paciente manifestou seu desejo de ir embora para casa com o bebê. A equipe multiprofissional da Maternidade conversou com a paciente e a orientou a aguardar a alta médica, visto que não pode proibir sua saída. Mas, a paciente insistiu e evadiu da unidade com a criança.”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.