Trânsito

PM fica ferido em acidente grave na GO-210, entre Santa Helena e Turverlândia

Acidente ocorreu por volta das 7h desta quarta-feira (29/5). PM foi encaminhado para o Hospital de Urgência da Região Sudoeste (HURSO).
29/05/2019, 10h52

Um policial militar de Goiás ficou ferido depois de se envolver em um grave acidente na GO-210, entre Santa Helena de Goiás e Turverlândia, próximo a ponte do Rio Verdão. O batida ocorreu por volta das 7h desta quarta-feira (29/5). O PM, que ainda não teve o nome divulgado, estava sozinho na viatura. Ainda não se sabe quantas pessoas estavam no outro veículo.

Por meio de registros feitos por quem passava no local, e publicados pela página no Facebook Santa Helena Agora, é possível perceber que viatura da PM ficou com a frente bastante danificada. O parachoque do outro veículo envolvido no acidente, de cor vermelha, ficou grudado no parabrisas da viatura. Veja abaixo:

O policial militar, que dirigia a viatura 9562 da 21ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Santa Helena de Goiás, foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) encaminhado para o Hospital de Urgência da Região Sudoeste (HURSO).

Ao Dia Online, a assessoria da Polícia Militar de Goiás (PMGO), confirmou o ocorrido e informou que o PM sofreu uma fratura na perna. A reportagem tenta contato com a unidade de saúde para saber o quadro de saúde atualizado dele.

De acordo com o Jornal Somos, equipes do Corpo de Bombeiros também atuaram na ocorrência. Ainda não se sabe quantos ocupantes tinha o outro veículo e também se houveram mais vítimas.

PM de Goiás morre vítima de acidente com viatura

Um sargento da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) morreu vítima de um acidente com viatura da PM de Goiás, ocorrido na BR-040, em Luziânia, no começo deste ano. Leandro Caixeta chegou a ser socorrido, mas morreu após três dias de internação.

No momento do acidente, quatro policiais, integrantes da Rotam, estavam na viatura. Dois deles sofreram ferimentos leves e dois foram atendidos por equipes do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF) com suspeita de traumatismo craniano, além de outras fraturas.

Imagens: Facebook 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Brasil

Incêndio em subestação de energia derruba luz em 17 mil casas e prédios de Brasília

Ainda não há previsão da volta da energia.
29/05/2019, 11h03

Um incêndio em instalações da Companhia Energética de Brasília (CEB) localizadas no plano piloto, região central da capital federal, derrubou parte do abastecimento de luz na região. A CEB informou que 17.007 Unidades Consumidoras (UCs) estavam sem energia por volta das 9h45 desta quarta-feira, 29. Não há previsão da volta da energia, por enquanto.

O corte teve início por volta das 9h10. Procurada, a CEB informou que, aproximadamente às 9h15, recebeu um chamado dos Bombeiros sobre incêndio na Subestação 03 (701/901 Norte). Os equipamentos de proteção do sistema provocam o desligamento automático da energia.

A subestação atende 17.007 Unidades Consumidoras (UCs), que estão sem energia no momento. “Nossas equipes de manutenção já estão na Subestação. Estamos esperando os Bombeiros apagarem o fogo pra ter acesso às instalações e avaliar os danos. Estamos apurando informações mais detalhadas e atualizaremos a situação pelo Twitter da CEB”, disse a companhia.

Imagens: Jornal de Brasília 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Saúde

Saúde de Aparecida convoca grupos prioritários para vacinação contra a gripe

Crianças menores de cinco anos, professores e doentes crônicos devem comparecer aos locais de vacinação até o próximo 31 de maio munidos do cartão vacinal.
29/05/2019, 11h21

Na reta final da Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus da Influenza, causador da gripe, inclusive a do tipo H1N1, em Aparecida de Goiânia já foram imunizados mais de 77% dos grupos prioritários e a cobertura vacinal para idosos e gestantes já atingiu a meta de 100%. Porém, a Secretaria de Saúde (SMS) continua a convocando todos desses grupos que ainda não foram imunizados, principalmente as crianças menores de cinco anos, os professores e os doentes crônicos, para que compareçam aos locais de vacinação até o próximo 31 de maio munidos do cartão vacinal.

A mobilização continua nessa semana com a vacinação de todos os grupos preferenciais nas 27 salas de vacinas da cidade. A coordenadora de Imunização da SMS, Renata Cordeiro, ressalta que as equipes itinerantes da SMS ainda estão imunizando crianças nos CMEIS para garantir a proteção aos pequeninos. Amanhã, 28 de maio, à tarde, a vacinação será no CMEI Similiana Lemes, no Conjunto Estrela do Sul.

Crianças, doentes crônicos e professores

De acordo com a coordenadora, o grupo prioritário das crianças de seis meses de idade até cinco anos está com 75% de cobertura, os professores com 67% e os doentes crônicos com 53%, índices considerados baixos, já que a meta é vacinar 90% dos grupos determinados. “Conclamamos os pais e responsáveis para que levem suas crianças com até seis anos para serem imunizadas até o dia 31 de maio. A vacina é essencial e pode até salvar vidas, principalmente dos pequeninos, que têm as defesas imunológicas do corpo ainda em formação. Todos dos grupos prioritários precisam contribuir não apenas para a própria saúde, mas para a mais ampla cobertura vacinal possível da sociedade. A imunização é fundamental, indispensável”, enfatiza Renata Cordeiro.

Os grupos prioritários

Os públicos elegíveis para a vacinação são determinados para todo o País pelo Ministério da Saúde (MS) segundo recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). São pessoas com maior risco de apresentarem complicações e óbitos por Síndrome Respiratória Aguda Grave em virtude da infecção pelo vírus influenza. Dentre estes, estão os portadores de males respiratórios, cardíacos, renais, neurológicos ou hepáticos crônicos, tais como diabetes e hipertensão.

Postos de vacinação

A imunização contra a Influenza está disponível nas seguintes Unidades Básicas de Saúde, de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 16h30: UBS Andrade Reis; Independência Mansões; Jardim Riviera; Bairro Independência; Campos Elíseos; Jardim Florença; Jardim Tiradentes; Veiga Jardim; Cândido de Queiroz; Jardim Paraíso; Alto Paraíso; Caraíbas; Delfiore; Jardim dos Ipês; Madre Germana; Buriti Sereno; Garavelo Park; Mansões Paraíso; Jardim Olímpico; Parque Trindade; Santa Luzia; Nova Olinda e Retiro do Bosque. Nos Cais Nova Era e Colina Azul a vacinação será de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 18h30. No Centro de Saúde Papillon Park, de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 18 horas.  No Centro de Atendimento Ambulatorial, de segunda à sexta-feira, das 07h30 às 18h30, e aos sábados, das 8 às 16 horas.

Cais Nova Era

O Cais Nova Era, localizado na Avenida São João, ao lado do Terminal Cruzeiro, no Jardim Nova Era, é o único posto que está imunizando apenas crianças, gestantes e puérperas durante toda a campanha. Os idosos também podem ser imunizados no local até 31 de maio.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Irmãos são assassinados dentro de casa por falsos policiais, em Jaraguá

Os assassinos encapuzados invadiram a residência se passando por policiais e mataram os dois rapazes com vários disparos.

Por Ton Paulo
29/05/2019, 11h26

Dois irmãos foram assassinados dentro de casa, na frente dos pais, na madrugada desta quarta-feira (26/5), no município de Jaraguá, a 120 quilômetros de Goiânia. Os assassinos invadiram a residência se passando por policiais e mataram os dois rapazes com vários disparos. As vítimas do duplo homicídio possuíam ligação com a criminalidade.

O crime ocorreu numa casa na Rua das Parreiras, Setor Primavera, na cidade de Jaraguá. De acordo com o delegado Glênio Alves, que já investiga o crime, dois indivíduos encapuzados invadiram a residência dos irmãos se passando por policiais, gritando “Polícia! Polícia!”. Eles foram até o quarto onde os jovens irmãos Leonardo Rodrigues da Luz, de 20 anos, Lucas Rodrigues da Luz, de 23, e Pedro Henrique Rodrigues Luz, de 26, dormiam e efetuaram diversos disparos com arma de fogo.

Um dos irmãos, Lucas, veio a óbito ainda no local do crime. Já os outros dois, Leonardo e Pedro Henrique, chegaram a ser socorridos e levados para o Hospital Estadual de Jaraguá Dr. Sandino de Amorim (Heja). Pedro Henrique ficou hospitalizado, já Leonardo não resistiu aos ferimentos e também faleceu.

O delegado conta que o caso já está sendo investigado. Ao Dia Online, ele revelou que os irmãos possuíam passagens criminais e possuíam ligações com crimes como tráfico de drogas, roubo e até um homicídio.

Um dos irmãos alvos do ataque de falsos policiais, em Jaraguá, teria se desentendido com membro de boca de fumo

As investigações apenas tiveram início e, segundo o delegado Glênio Alves, ainda não se sabe a motivação do duplo homicídios dos irmãos de Jaraguá. Entretanto, conforme apurado pela reportagem do Dia Online, na última terça-feira (28/5) um dos irmãos, Pedro Henrique – um dos alvos do ataque – teria ido a uma boca de fumo da região para buscar uma moto que Lucas havia deixado como garantia em troca de drogas.

Nessa mesma boca de fumo, teria havido uma desavença entre Pedro Henrique e um dos traficantes.

As investigações prosseguem para determinar a identidade dos suspeitos e a motivação do crime.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Suspeito de estuprar estudante em UTI, em Goiânia, se apresenta à polícia

Uma vez que havia um mandado de prisão em aberto contra ele, expedido ontem (27/5), o homem, identificado somente pelas iniciais I.C.B., ficou detido.

Por Ton Paulo
29/05/2019, 12h49

O técnico de enfermagem suspeito de ter estuprado uma estudante universitária de 21 anos que estava internada no leito de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), num hospital de Goiânia, se apresentou espontaneamente à Polícia Civil no início da tarde desta quarta-feira (28/5). Uma vez que havia um mandado de prisão em aberto contra ele, expedido ontem (27/5), o homem, identificado somente pelas iniciais I.C.B., ficou detido. O caso do estupro da estudante em UTI está sendo investigado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam).

A estudante de Arquitetura Susy Nogueira estava internada há 9 dias na UTI do Hospital Goiânia Leste, no Setor Leste Universitário, por causas ainda não divulgadas. A jovem acabou falecendo no último domingo (26/5), depois de uma parada cardíaca, entretanto, antes de sua morte, Susy conseguiu relatar a uma enfermeira o abuso sofrido.

O caso, segundo um jornal local, foi registrado em 17 de maio, um dia após a entrada da jovem na UTI. Apesar da sedação, ela teve momentos de lucidez e denunciou o estupro sofrido a uma enfermeira.

O suspeito, um técnico de enfermagem de 41 anos, foi confrontado pela equipe do hospital, mas negou o crime e não era mais visto até hoje, quando se entregou à polícia.

A delegada Paula Meotti deverá dar mais detalhes sobre o caso ainda nesta quarta-feira.

Hospital onde houve o estupro de estudante em UTI ainda não se pronunciou sobre a prisão do acusado

Procurada pela reportagem do Dia Online, a ala da UTI informou que, no momento, não havia nenhum responsável que pudesse comentar o caso.

Conforme a Deam, a morte da jovem, a princípio, não teria relação com o abuso sofrido. A Polícia Civil ainda não detalhou o dia em que o crime foi praticado.

Veja o vídeo do momento em que o suspeito se entrega à polícia:

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.