Dia Gourmet

Açaí em Brasília: melhores lugares para tomar essa delícia

Para refrescar o calor e reunir os amigos, nada melhor que um bom açaí!
29/05/2019, 17h44

Embora tenha suas origens no norte, o açaí na tigela já se transformou no queridinho de pessoas por todo o país. Rico em antioxidantes e considerado como um superalimento, é bastante utilizado também na produção de energéticos, doces, geleias e sorvetes. Em Brasília é possível encontrar diversas açaiterias, que trabalham com diferentes fórmulas, desde as mais puras até as misturadas com xaropes e polpas de frutas.

Ainda dá para encontrar diversos tamanhos e acompanhamentos, onde o alimento pode ser servido com cereais, frutas, chocolate, leite condensado, paçoca, leite em pó e muito mais. Basta ter criatividade! No entanto, também é possível encontrá-lo em formas mais naturais e saudáveis. Dá uma olhada!

Conheça lugares para tomar um bom açaí em Brasília:

1 – Sub’s Açaí E Lanches

Foto: Reprodução

Para quem está em busca de açaí puro em Brasília, esta é uma das melhores opções! A casa trabalha sempre com produtos frescos e utiliza a menor quantidade possível de produtos industrializados, pensando em produzir tudo de forma mais natural e saudável.

No entanto, vale lembrar que é possível encontrar até 30 combinações de açaí, com diversas frutas e coberturas para quem preferir. Sem contar os vários outros adicionais que podem ser acrescentados. E para quem pretende fazer um lanchinho completo, ainda é possível encontrar variedade de sanduíches naturais, saladas, sucos e muito mais.

O foco é oferecer produtos mais naturais em qualquer que seja o pedido. Tudo isso pode ser degustado em um ambiente confortável e descolado, perfeito para ir com os amigos ou para levar a família. Clique aqui e acompanhe mais detalhes.

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h às 23h

Telefone: (61) 3244-1680

Endereço: Asa Sul Comércio Local Sul 105 – Asa Sul, Brasília – DF, 70344-520

2 – Açaí Casca

Foto: Reprodução

Para quem preza pelo sabor e qualidade, o Açaí Casca também é uma excelente opção. O cardápio da casa é bastante variado e oferece alternativas para todos os gostos. Apenas para você ter ideia, é possível encontrar fórmulas diferentes, desde o açaí puro até composições mais complexas e misturadas com outras frutas.

Vale destacar que o ambiente é bastante aconchegante e o atendimento é cordial, já que a equipe sempre trabalha para que os clientes façam a melhor escolha. Os preços condizem com a qualidade do que é servido. Vale a pena experimentar!

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 12h às 20h / domingo, das 14h às 20h

Telefone: (61) 3297-9931

Endereço: Asa Norte Comércio Local Norte 311 BL E Loja 32 – Asa Norte, Brasília – DF, 70757-550

3 – Açaí Artesanal

Foto: Reprodução

Trazendo uma nova tendência em alimentação, o Açaí Artesanal trabalha com matéria-prima de altíssima qualidade, composto em 99% de puro açaí, com uma quantidade mínima de xarope de guaraná. Outro diferencial é que não são utilizados conservantes químicos, fazendo com que o açaí seja rico em nutrientes e sabores, principalmente quando são acrescentadas frutas na combinação. Abaixo é possível encontrar alguns endereços da franquia. No entanto, se quiser conferir o restante, clique aqui.

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 12h às 20h / domingo, das 14h às 20h

Telefones: 

  • (61) 3224-9308
  • (61) 3347-4913
  • (61) 3026-0800
  • (61) 3033-8083
  • (61) 3053-0909

Endereços:

  • Asa Sul CLS 302 loja 08, BL C – Asa Sul, Brasília – DF, 70338-530
  • Asa Norte Comércio Local Norte 311 BL E Loja 60/70 – Asa Norte, Brasília – DF, 70757-550
  • CLSW, 103, Bloco A, Loja 74 EM FRENTE AO ESTACIONAMENTO, St. Sudoeste Comércio Local Sudoeste 103 – Cruzeiro / Sudoeste / Octogonal, Brasília – DF, 70670-521
  • Asa Norte Comércio Local Norte 402 CLN 402 Bloco E Loja 16 – Brasília, DF, 70834-550
  • CLNW 10/11 Lojas 8B Edifício Stylo & Housing SHCNW Setor Noroeste DF BR 70686-605, SHCNW SQNW – Brasília, DF, 70297-400

4 – Açaí Floresta

Foto: Reprodução

Também representando uma das melhores opções em Brasília, o Açaí Floresta já é uma das principais referências da capital federal. Por ali é possível encontrar um ambiente bastante arejado, com mesinhas ao ar livre e que garantem aquele climinha descontraído.

O cardápio é variado e conta com diversas opções de açaí, sem falar que ainda é possível encontrar diferentes adicionais que vão das frutas até granola, leite condensado e muito mais. Perfeito para quem pretende fugir um pouquinho da rotina!

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 10h às 19h

Telefone: (61) 3024-8047

Endereço: Asa Norte Comércio Local Norte 303 Loja 40 – Asa Norte, Brasília – DF, 70735-550

5 – Açaí do Cerrado

Foto: Reprodução

Trabalhando com ingredientes mais puros e naturais, a casa oferece uma excelente opção de açaí em Brasília. Ainda é possível acrescentar adicionais de acordo com suas preferências. Além disso, ainda dá para pedir cupuaçu, tapiocas recheadas, sanduíches naturais, sucos, cremes, vitaminas e omeletes recheadas. Um lugarzinho bem completo para os lanches de suas tardes.

Horário de atendimento: todos os dias, das 14h30 às 22h

Telefone: (61) 3034-0324

Endereço: CNB 09 Lote 01 Loja 06 Taguatinga Norte, St. B Norte CNB 9 – Taguatinga, Brasília – DF, 72115-090

6 – Ponto do Açaí

Foto: Reprodução

Textura e sabor são os pontos fortes da casa! Com um cardápio variado, é possível encontrar opções de açaí batido com frutas e grãos, garantindo sabores realmente marcantes. Os adicionais são vários e é sempre possível encontrar aquela combinação que mais se adéqua aos seus gostos.

Além disso ainda dá para pedir sanduíches artesanais deliciosos, bem como aquele suquinho natural que você tanto gosta! Sem dúvida, uma das melhores opções em Brasília!

Horário de atendimento: segunda a sábado, das 10h às 22h / domingo, das 15h às 21h

Telefone: (61) 3968-6880

Endereço: Asa Norte Comércio Local Norte 308 LOJA 05, Asa Norte Comércio Local Norte 308 – Asa Norte, Brasília – DF, 70747-530

7 – Açaí Monumental

Foto: Reprodução

Em um ambiente amplo e confortável, com um espacinho kids, a casa representa uma das melhores opções de açaí em Brasília, sem dúvida. No cardápio é possível encontrar grande variedade, contando ainda com opção especial do Pará, onde o açaí é puro.

Você também pode acrescentar seus adicionais preferidos. Destaque também para o creme de cupuaçu, que é uma delícia e pode ser servido junto ao seu açaí. É um dos melhores custo-benefício da região.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 12h às 21h / sábado e domingo, das 12h às 21h

Telefone: (61) 3244-9070

Endereço: Asa Sul Comércio Local Sul 216 – Asa Sul, Brasília – DF, 70295-510

8 – Açaí Du Pará

Foto: Reprodução

E para quem está em busca de um açaí autêntico, esta é mais uma excelente opção! O açaí da casa é puro e não contem conservantes, podendo ser servido ainda com o creme de açaí. Combinação perfeita e deliciosa.

Mas para quem pretende ter refeições mais completas, a casa vai além. O cardápio é recheado com comidinhas tradicionais do Pará, preservando suas receitas e modos de preparos. Vale a pena conhecer!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 10h30 às 20h / sábado e domingo, das 10h30 às 18h

Telefone: (61) 3967-4007

Endereço: Bloco D Loja 39 Condomínio do Bloco D Asa Norte Brasília DF 70760-554 BR, St. de Habitações Coletivas e Geminadas Norte 714 – Brasília, DF, 70297-400

9 – Zimbrus

Foto: Reprodução

O Zimbrus é um restaurante bastante conhecido em Brasília por servir alternativas de alimentação saudável. O cardápio conta com diversos pratos da cozinha casual, sem contar que ainda é possível pedir lanches naturais, minutas com grelhados e muito mais.

Um dos principais destaques fica por conta do açaí, que representa um dos mais pedidos da casa. No cardápio é possível encontrar 6 versões, desde as batidas com xarope de guaraná, até aquelas com sorvete e polpas de frutas. Há sempre uma boa opção para cada gosto e os preços estão dentro da média. Vale a pena experimentar!

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h às 23h

Telefone: 

  • (61) 3242-0000
  • (61) 3224-5303

Endereço: 

  • Asa Sul Comércio Local Sul 305 – Asa Sul, Brasília – DF, 70352-530
  • St. de Clubes Esportivos Sul Trecho 2 – Asa Sul, Brasília – DF, 70200-002

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Donos de postos são denunciados por reajuste durante greve dos caminhoneiros, em Firminópolis

Empresários foram denunciados por crime contra a ordem tributária.
29/05/2019, 19h41

O Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO) denunciou nesta quarta-feira (29/5), os donos de postos de gasolina Zeuxis Mendes da Cruz e Douglas dos Reis, por aumentar o preço dos combustíveis durante as greves dos caminhoneiros no ano passado, em Firminópolis.

A ação foi proposta pela 1ª Promotoria de Justiça do município, pelo promotor Ricardo Lemes Guerra. Na denúncia, o promotor alega que os empresários abusaram do poder econômico e fecharam um acordo para aumentar o valor do combustível de forma oportunista.

De acordo com o MPGO, no acordo firmado entres eles o valor do etanol que até a greve dos caminhoneiros era vendido a R$ 2,59 passou a ter o valor de R$ 3,29; em relação a gasolina os empresários vendiam o produto por R$ 4,69 e passaram a vender a mercadoria por R$ 5,09, causando danos aos motoristas que utilizavam seus postos para abastecer os veículos.

Promotor alegou que aumentos nos preços pelos donos dos postos é injustificável pois não houve reajuste nas distribuidoras

Os aumentos no valor do etanol e da gasolina por parte dos empresários ocorreram pela primeira vez entre os dias 15 e 21 de maio do ano passado, durante a mobilização dos caminhoneiros. A segunda foi entre os dias 1º e 10 de junho de 2018, que parou o país.

Conforme o MPGO, Zeuxis é dono do Auto Posto Mendes e Douglas Reis é arrendatário do Posto Amigos da Rede Korujão, em Firminópolis. Em sua justificativa, o promotor afirmou que durante os dois períodos de paralisação não houve aumento nos preços dos combustíveis nas distribuidoras e muitos menos a entrega do produto nos postos.

“Conforme o exposto, o ajuste feito pelos denunciados após entrarem em acordo é injustificável e artificial, que configure crime contra a ordem econômica”, explica o promotor. Com base nas provas demonstradas pela promotoria, os dois empresários foram denunciados por crime contra a ordem tributária.

Via: MPGO 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Casal é executado na frente da filha em Goiânia; veja o vídeo

Filha do casal estava dentro do carro no momento que os pais foram mortos.
29/05/2019, 21h58

Um casal foi executado na frente da filha na noite desta quarta-feira (29/5) na Rua 22, no Setor Santos Dumont, em Goiânia, próximo ao Hospital de Urgências da Região Noroeste Governador Otávio Lages de Siqueira (Hugol).

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) foi chamado para atender a ocorrência às 18h46, todavia no momento que se preparava para sair a equipe recebeu a informação de que uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) estava a caminho do local para socorrer as vítimas.

A corporação afirmou que o solicitante informou a equipe de socorrista que o casal estava na rua próximo a um veículo do modelo Hyundai/HB 20 branco e a filha de oito anos estava dentro do carro.

Conforme os bombeiros, o solicitante afirmou que a mulher foi baleada na cabeça e não apresentava sinais vitais, enquanto o marido dela foi alvejado na região do pescoço. Segundo o CBMGO, uma equipe das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (ROTAM) esteve na região e colheu as informações sobre os possíveis autores. As vítimas foram identificadas pela Polícia Militar do Estado de Goiás como Junior Leão Feitosa e Karmem Lucia da Silva, ambos possuem passagem pela polícia.

Filha do casal estava dentro do carro no momento que os pais foram mortos

Um vídeo gravado por câmeras de segurança da região mostra o momento que Junior e Karmem são mortos a tiros pelos suspeitos. Nas imagens é possível ver a movimentação de carros pela rua e o momento que um veículo passa por um caminhão de lixo e faz o retorno. Em seguida dois homens armados aparecem no vídeo e se aproximam do casal que está olhando alguma coisa no celular.

Os suspeitos aproveitam que as vítimas não perceberam a aproximação e atiram contra eles, que caem no chão, em seguida os dois indivíduos fogem do local. A filha das vítimas desce do carro e ajoelha próximo ao corpo dos pais. A polícia ainda não tem informações sobre a motivação e autoria do crime. Veja o vídeo: 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Gasolina é vendida hoje em Goiânia com 42% de desconto; veja lista de postos

Promoção integra o Dia Livre de Impostos (DLI), celebrado nesta quinta-feira (30/5). Aproveite!
30/05/2019, 07h07

Cinco postos de combustíveis de Goiânia participam do Dia Livre de Impostos (DLI), celebrado nesta quinta-feira (30/5). E para agradar o bolso do motorista goianiense, a gasolina comum será vendida com desconto de 42%, quase metade do preço, em cima do valor da bomba. A promoção é válida para pagamento em dinheiro.

Esta é a 13ª edição do DLI, que tem como objetivo conscientizar a população sobre a alta carga de impostos e apoiar a simplificação tributária no Brasil. Na capital, a ação é realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem de Goiânia (CDL Jovem) juntamente com o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto).

“A ideia do DLI é conscientizar o consumidor sobre a alta carga tributária e mostrar que os impostos estão embutidos em tudo que é utilizado no dia a dia. Além disso, que o preço final dos produtos é alto não por causa dos empresários e, sim, por conta da carga tributária”, reforçou a presidente da CDL Jovem de Goiânia, Gabriela Moreira.

Ao longo deste 30 de maio, supermercados, drogarias, shoppings centers, padarias, restaurantes, postos de gasolina e até concessionárias de veículos de 18 estados brasileiros e do Distrito Federal participam do DLI. Os descontos podem chegar a 70% do valor final do produto.

Postos com 42% de desconto na gasolina em Goiânia

Os cinco postos participantes do Dia Livre de Impostos, em Goiânia, revezarão os horários de descontos. Serão distribuídos vouchers para número limitado de clientes. O encerramento da campanha ocorrerá quando esgotar o estoque de combustível promocional, que consiste em 2 mil litros de gasolina comum.

Conforme publicado pela CDL Jovem, o abastecimento será limitado a até R$ 50 por cliente ou veículo; o desconto de 42% será dado em cima do valor da bomba. Veja abaixo os endereços dos postos que aderiram ao DLI nesta quinta-feira (30/5) e a tabela de horários. Programe-se e aproveite!

  • Das 7h às 9h: Posto do Ratinho – Rua 85, nº 1049, Setor Sul
  • Das 9h às 11h: Posto Xodó – Av. 85, nº 2.890, Setor Bueno
  • Das 12h às 14h: Posto Z+Z – Av. 136, nº 1477, Setor Sul
  • Das 15h30 às 17h30: Posto Moreira – Av. Assis Chateaubriand, Setor Oeste
  • Das 18h30 às 20h30: Posto Z+Z – Av. Consolação, Vila Adélia I e III
Via: CDL Goiânia 
Imagens: Superinteressante 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Câmara aprova pente-fino nos benefícios do INSS

Com objetivo de coibir fraudes, o texto também modifica regras para a concessão de aposentadoria rural, eliminando o papel de sindicatos no cadastro do trabalhador do campo.
30/05/2019, 07h36

A Câmara dos Deputados aprovou no início da madrugada desta quinta-feira, 30, a medida provisória que determina um pente-fino nos benefícios do INSS. O texto também modifica regras para a concessão de aposentadoria rural, eliminando o papel de sindicatos no cadastro do trabalhador do campo, com o objetivo de coibir fraudes.

O secretário especial da Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, e outros membros do governo estavam no Plenário da Câmara negociando diretamente com os deputados. Eles comemoraram a aprovação, apesar das modificações em parte do texto. O projeto vai ainda nesta quinta-feira ao Senado, onde precisa ser aprovado em plenário.

“A aprovação é o primeiro passo na reestruturação do sistema previdenciário aqui na Câmara. A MP é importante porque combate fraudes no sistema. A estimativa é que a economia anual chegue a R$ 10 bilhões. O problema (da Previdência) começa a ser enfrentado com a votação da MP. Esperamos que logo mais tenhamos possibilidade de complementar processo no Senado”, afirmou Marinho após a votação.

O secretário da Previdência disse ainda esperar que nos próximos 15 dias consigam aprovar dois projetos necessários para destinar recursos do Orçamento para o pagamento do bônus aos peritos que farão o pente-fino.

A discussão da medida provisória 871/2018, que prevê medidas de combate a fraudes no INSS, quase foi derrubada por uma reação em cadeia de deputados da bancada bolsonarista e de evangélicos que exigiam a retirada do termo “gênero” da lista de informações que deveriam ser repassados ao INSS.

Os parlamentares alegavam que o termo se tratava de uma discussão de “ideologia de gênero”. O texto determinava que os cartórios remetessem os dados de registros de nascimento e de natimorto com as informações do número do “CPF, a data e o local de nascimento do registrado, bem como o nome completo, data e local de nascimento, CPF da filiação e o gênero”.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), chegou a ameaçar derrubar a sessão e, consequentemente, inviabilizar a MP. Vendo que haveria o risco de não aprovar a proposta, o líder do governo, Major Vitor Hugo (PSL-GO), tentou convencer seus correligionários de que a medida era necessária e foi cercado por parlamentares do PSL aos berros. Entre os mais nervosos estava Hélio Bolsonaro (PSL-RJ), um dos principais aliados do presidente Jair Bolsonaro. Após uma série de discussões, o grupo recuou e manteve o termo.

Os deputados aprovaram ainda a retirada dos incisos VII e VIII do artigo 22 que permitia ao governo sequestrar bens inalienáveis oriundos de fraudes. E rejeitaram o destaque do PSB que pedia aprovação de emenda dos deputados Heitor Schuch (PSB-RS) e Vilson da Fetaemg (PSB-MG) propondo a manutenção do papel dos sindicatos na comprovação do tempo de serviço do trabalhador rural. Agora, a MP transfere essa responsabilidade a órgãos subordinados ao Ministério da Economia.

O governo costurou um acordo com a oposição no plenário da Câmara dos Deputados para viabilizar a votação da medida provisória. A principal resistência dos deputados era ao dispositivo que prevê a concessão de aposentadoria especial rural apenas por meio do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) a partir de 1º de janeiro de 2020.

Após o acordo, o governo aceitou um período de transição para a exigência do cadastro, que duraria três anos. Assim, a concessão por meio do CNIS passou a valer a partir de 1º de janeiro de 2023. Até lá, vale a autodeclaração dos segurados especiais, ratificada por órgãos públicos, como o próprio INSS ou prefeituras, Ematers, etc.

Outro aceno que o governo deve fazer à oposição para garantir a aprovação da MP é estender o prazo para a apresentação de recurso em caso de suspensão do benefício no pente-fino que o governo pretende fazer. A MP fixou um prazo de 30 dias, que deve ser ampliado para 60 dias.

Derrota

Deputados incluíram no texto a vedação do compartilhamento de dados do cadastro dos trabalhadores rurais a entidades de direito privadas. A vedação do compartilhamento de dados traz um problema ao governo que pode ficar impedido de repassar dados a alguns órgãos como Dataprev e Funpresp.

Imagens: Xodó News 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.