Goiás

Policiais Militares recebem homenagem em alusão aos serviços prestados em Aparecida

Gustavo Mendanha parabenizou o trabalho do policias na cidade e destacou a redução da violência em Aparecida.
02/05/2019, 20h45

Mais de 85 polícias militares foram homenageados na manhã desta quinta-feira, 2, no auditório da Igreja Assembleia de Deus, no Parque Santa Cecília, em Aparecida de Goiânia, em função do tempo de serviço de 10 e 20 anos e das ações na área de segurança pública no primeiro trimestre deste ano.

Todos os PM’s receberam certificados e medalha de honra em alusão aos relevantes serviços prestados em prol da segurança pública e do bem-estar do cidadão. O evento contou com a presença do prefeito Gustavo Mendanha e de autoridades da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO).

Gustavo Mendanha parabenizou o trabalho do policias na cidade e destacou a redução da violência em Aparecida. “A Polícia Militar em Aparecida faz um trabalho extraordinário e digno de reconhecimento. Apesar de termos um efeito ainda baixo, Aparecida saiu da lista das 100 cidades mais violentas do mundo, graças ao trabalho preventivo e ostensivo de combate a criminalidade. Por isso, trago os meus cumprimentos aos policiais militares que não medem esforços para contribuir com a segurança pública em Aparecida”, parabenizou.

Comandante-geral da PM, destacou a importância dos policiais militares que trabalham pela segurança de Aparecida de Goiânia

Durante a solenidade, o comandante-geral da PM, Coronel Renato Brum, destacou a importância de reconhecer o serviço dos polícias que trabalham pela segurança do município e da população. “Esse é o reconhecimento do comando da Polícia Militar aos policiais que trabalham diuturnamente e que fazem a diferença nas ruas no combate ao crime organizado e proporcionando maior segurança ao cidadão de Aparecida”.

O Tenente Roldão, do 8º batalhão de Aparecida, presta serviços à corporação há 31 anos e foi um dos homenageados na solenidade. “Receber essas duas medalhas de tempo serviço e destaque operacional é muito gratificante, pois mostra que somos reconhecidos pelos nossos superiores. Uma homenagem como essa nos motivam a continuar trabalhando em prol do bem-estar do cidadão, da cidade e pela segurança pública”, comemorou.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Previsão do tempo: fim de semana será de chuva em Goiânia

Por enquanto, segundo meteorologistas, ainda não há expectativa de frio intenso.
03/05/2019, 08h09

A chuva não deve dar trégua neste fim de semana em Goiânia e algumas cidades da região Norte de Goiás, segundo previsão do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE). Maio começou chuvoso não só na capital goiana. Nas últimas 24 horas, choveu em diversas áreas e em quase todas as capitais.

Nesta sexta-feira (3/5), a previsão é de variação de nuvens e pancadas de chuva localizadas que poderão ser fortes e vir acompanhadas de trovoadas a qualquer hora do dia. A temperatura fica entre 20° de mínima e 31° de máxima. Deve chover 4o milímetros por hora na capital. 

Já no sábado e domingo, 4 e 5 de maio, podem ocorrer chuvas intensas em diversas regiões do estado, conforme alerta publicado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Mesmo com sol no início das manhãs, há previsão de chuva forte a qualquer hora. Além de Goiás, no Distrito Federal o alerta também é para temporal. Nos dois dias, as temperaturas ficam entre 20° e 30°.

De sábado (4/5) até a próxima terça-feira (7/5), o volume de chuva esperado fica entre 25 e 8 mm, de acordo com levantamento do site ClimaTempo.

Chuva no Centro-Oeste

Segundo publicação do ClimaTempo, a “fluxo de vento da região amazônica está transportando umidade e calor diretamente para o Centro-Oeste e além disso, a atuação de um cavado meteorológico, em médios níveis da atmosfera, ajuda a concentrar mais umidade. Essa combinação mantém alta as condições de chuva.”

Nos primeiros dias de maio podem ocorrer chuvas intensas no norte de Goiás, no Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, no centro-sul e oeste de Mato Grosso. Nestes dias, por enquanto, ainda não há expectativa de frio intenso, de acordo com os meteorologistas.

Já no próximo fim de semana, data em que se comemora o Dia das Mães, uma massa polar é esperada para chegar ao Brasil e parte do Centro-Oeste poderá sentir o resfriamento, aponta o site.

Imagens: Paraíba Debate 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Homem que matou prima esganada após ela se negar a fazer sexo com ele é preso, em Goiânia

A mulher era mãe de duas crianças.

Por Ton Paulo
03/05/2019, 08h32

Um homem que matou a própria prima esganada foi preso na última quarta-feira (1/5), Dia do Trabalhador, em Goiânia. Conforme a polícia e a confissão do homem, ele cometeu o crime após ela se recusar a fazer sexo com ele. A mulher era mãe de duas crianças.

A prisão foi realizada pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios, através do Cartório V. Marcos Vinícius Lopes Fiaia, que confessou o crime, matou a prima no dia 11/12 do ano passado. Marcos esganou Feliane Tavares até a morte ao tentar manter relações sexuais com ela, apesar de sua recusa.

De acordo com a polícia, Feliane tinha dois filhos pequenos. Em seu perfil numa rede social, Feliane publicou a informação de que era casada. A reportagem do Dia Online ainda não confirmou a informação.

As investigações do caso foram conduzidas pelo delegado Dr. Ernane Cazer e realizadas por Wilson Costa Neto, Márcio Alessandri, Fábio Costa, Euler Ferreira e Julisny Rosa. De acordo com o Dr. Ernane, o caso será apresentado oficialmente ainda na manhã de hoje (3/5).

Além de caso de homem que matou a própria prima esganada, outro jogou ácido no rosto da ex-mulher

No dia 25/4 deste ano, a recusa em aceitar o término de seu relacionamento levou um homem a jogar ácido no rosto da ex-mulher e, logo em seguida, atirar no próprio ouvido, tirando sua vida, em Sobradinho, região do Distrito Federal. O homem, antes de jogar o ácido, ainda tentou atirar contra a mulher, mas a arma falhou.

Conforme a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) na época, Júlio César dos Santos Villa Nova, 55 anos, trabalhava como vigilante em um shopping da região. Ele e a ex-mulher, Cácia Regina Pereira da Silva, de 47, estavam separados há mais de 10 anos e tinham uma filha adolescente.

De acordo com a PMDF na ocasião, ontem por volta das 20h15 de 25 de abril, Júlio César chegou no Bar do Neném, onde Cácia estava, no bairro Nova Colina, em Sobradinho, e tentou matar a ex-companheira tentando disparar quatro vezes com um arma de fogo contra ela. Entretanto, a arma falhou nas quatro tentativas.

Não obtendo êxito com a arma, Júlio César, então, jogou ácido que ele havia levado contra o rosto de Cácia, fugindo em seguida. O homem se dirigiu para o Condomínio Bela Vista Serrana, Módulo 9, onde Cácia mora. Lá, a arma não falhou e Júlio César se matou com um tiro no ouvido.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Brasil

Criança de 1 ano morre esmagada por TV de tubo, no Distrito Federal

Acidente ocorreu na noite desta quinta-feira (2/5). A menina chegou a ser levada ao hospital, mas morreu após uma parada cardiorrespiratória.
03/05/2019, 09h28

Uma criança de 1 ano morreu depois de ser esmagada por uma TV de tudo, dentro de casa, no Paranoá, região administrativa do Distrito Federal. O acidente ocorreu na noite desta quinta-feira (2/5). A menina chegou a ser levada ao hospital, mas não resistiu ao ferimentos.

De acordo com informações da Polícia Civil do DF, a mãe de Laura Sophia dos Santos Silva contou que a menina brincava de ligar e desligar a televisão, que ficava em cima de um rack. Durante a brincadeira, o aparelho de 20 polegadas caiu sobre a criança. Um som, que ficava ao lado da TV, foi retirado recentemente, o que pode ter deixado o aparelho, que já pe pesado, sem firmeza.

Criança esmagada por TV chegou a ser socorrida

Após o incidente, a menina foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), levada ao Hospital Regional do Paranoá. Depois de receber os atendimentos básicos, Laura Sophia foi transferida para o Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF). Segundo a equipe médica, a criança teve uma parada cardiorrespiratória não revertida e morreu por volta das 22h.

Conforme apurado pelo Correio Braziliense, após a constatação da morte da menina, os pais e uma tia ainda ficaram parte da noite da unidade de saúde, sem acreditar no ocorrido. Horas depois, o corpo de Laura Sophia foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML).

Ainda conforme a Polícia Civil, a casa onde a menina morava com a mãe passou por perícia, que deve esclarecer as circunstâncias do acidente. O caso é investigado pela 6ª Delegacia de Polícia, no Paranoá.

Acidente com TVs em casa

Uma pesquisa do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) revelou que, entre julho e agosto de 2017, 93% afirmaram já ter visto ou tomado conhecimento de casos de crianças escalando móveis; 77% afirmaram saber de casos de crianças que sofreram acidentes porque o móvel ou a TV tombou sobre elas. O levantamento revelou ainda que 43,1% crianças sofreram lesões leves em decorrência de tombamento de móveis ou TV; lesões graves ou fatais foram 21,2%.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Quadrilha de ladrões de gado de Goiatuba é presa

O crime aconteceu em fevereiro deste ano, quando os suspeitos renderam as vítimas e as mantiveram como reféns por várias horas enquanto roubavam os bovinos.

Por Ton Paulo
03/05/2019, 10h03

Depois de intensa investigação, a polícia conseguiu prender 10 dos 11 suspeitos de ter praticado um roubo de gado na zona rural do município de Goiatuba, em fevereiro deste ano. Na época, os suspeitos de ser ladrões de gado renderam as vítimas e as mantiveram como reféns por várias horas enquanto roubavam os bovinos.

De acordo com a polícia, o crime ocorreu no dia 26 de fevereiro deste ano em uma fazenda de Goiatuba e a prisão aconteceu no âmbito da Operação Res Furtiva. Durante as investigações, foram identificados os dois motoristas e uma terceira pessoa que os acompanhava, bem como os caminhões responsáveis por transportar o gado roubado, sendo comprovado que eles tinham plena consciência da prática do roubo e realizaram importante conduta para a completa execução do crime.

Enquanto cinco dos suspeitos, armados, rendiam as vítimas na fazenda, fazendo-os de reféns por cerca de 12 horas, o restante do grupo separava e fechava o gado. Eles subtraíram cerca de 50 cabeças de gado e dois veículos.

A investigação também identificou o produtor rural que adquiriu o gado roubado pelo grupo e conseguiu recuperar 36 cabeças de gado de propriedade da vítima e que foram subtraídas durante o roubo. Os animais se encontravam na fazenda do referido produtor.

Dos 11 integrantes da quadrilha de ladrões de gado de Goiatuba, todos foram identificados e 10 foram presos

A operação identificou todos os envolvidos no crime – dos suspeitos que renderam as vítimas até os motoristas que transportaram o gado fruto do roubo. São eles: Roginelio Lima dos Santos, de 34 anos, Wallex Dennys Silva Mariano, 26 anos, João Victor Sousa e Silva, 21 anos , Lucas Cândido de Abreu, 25, Luís Carlos Silva Fernandes, 25 anos, Wellington Alves de Oliveira Junior, 23, Izaías Cassimiro do Carmo, 30, Rharisson Rezende Nery, 26, Sandra de Oliveira, 33, Cleriston Santos Silva, de 26 e Eduardo Fernandes de Oliveira, 37 anos.

A Polícia Civil destaca que, dos 11 integrantes da associação criminosa e responsáveis pela prática deste grave crime de roubo, 10 foram presos, após representação pela prisão preventiva. Os investigados se encontram na unidade prisional de Goiatuba. Apenas Lucas Cândido de Abreu encontra-se foragido e continua sendo procurado pela polícia.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.