Goiás

Em semana de protestos, Governo de Goiás paga fevereiro a inativos

O pagamento está sendo feito um dia após a realização de um assembleia geral de policiais e bombeiros militares do Estado.

Por Ton Paulo
08/03/2019, 15h49

O Governo de Goiás pagou nesta sexta-feira (8/3) o salário dos servidores inativos do Estado referente ao mês de fevereiro. O anúncio foi feito pela Secretaria da Economia, que informou que o salário estará prontamente disponível nas contas. O pagamento está sendo feito um dia após a realização de um assembleia geral de policiais e bombeiros militares do Estado, que, inclusive, fizeram uma caminhada em protesto à criança de uma segunda categoria na classe.

A pasta informou que toda a folha de pagamento referente a fevereiro, dos servidores inativos do poder executivo estadual e de todos os outros poderes e órgãos autônomos, foi creditada hoje e os salários já estão disponíveis nas contas, independente do banco usado pelo servidor.

Ainda de acordo com a Secretaria, com isso, a folha de fevereiro fica quitada em sua integralidade. Importante frisar que até o dia 28 de fevereiro, apenas os servidores ativos receberam seus salários dentro do mês, como prometido por Ronaldo Caiado (DEM).

Pagamento aconteceu um dia após assembleia geral de servidores; criação de segunda classe em categoria militar foi criticada

Os policiais e bombeiros militares de Goiás se reuniram na tarde da última quinta-feira (7/3) em uma assembleia geral da classe, em Goiânia, onde fizeram um protesto contra a criação de uma segunda categoria na classe dos servidores da Segurança Pública por parte do governador Ronaldo Caiado (DEM). Os militares foram, ainda, em caminhada que partiu da Avenida 85 até a Praça Cívica.

Conforme o presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos do Estado de Goiás (Assego), subtenente Cláudio Coelho, a assembleia geral, que teve início às 15h de ontem na sede da Assego, reuniu policiais e bombeiros militares ativos, inativos e pensionistas de Goiás.

O presidente da associação informou ainda, na ocasião, que a pauta de debate e reivindicação, conforme o presidente, era denunciar a criação de uma segunda categoria dentro da classe de servidores por pagamento, o que prejudicaria os militares. “Não podemos fazer com que haja essa distinção entre ativos, inativos e as nossas pensionistas. Foi extinta a 3ª classe de soldados mas foi criada uma segunda categoria de servidores por pagamento”, disse ontem.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Fuga é frustrada na CPP de Rio Verde

Escavação começou a ser feita no banheiro e tinha o tamanho de 22 centímetros.
08/03/2019, 16h13

Uma tentativa de fuga na tarde da última quinta-feira (7/3) foi frustrada por agentes penitenciários da Casa de Prisão Provisória de Rio Verde, no Sudoeste do estado. Durante uma vistoria em uma cela da unidade com 13 presos, os agentes encontraram um buraco na parede que seria usado para fuga.

Conforme a direção da unidade divulgou, a escavação começou a ser feita na parte do banheiro e tinha o tamanho de 22 centímetros.

Durante a vistoria, os agentes penitenciários apreenderam um objeto perfurante usado para fazer o buraco na cela. Em nota enviada à imprensa, a Diretoria-Geral da Administração Penitenciária (DGAP) confirmou o caso.

Fuga frustrada na CPP de Rio Verde
FOTO: Divulgação

Conforme a DGAP, os presos da cela em que a escavação foi encontrada foram transferidos e a cela reparada. Um processo administrativo para apurar o fato foi instaurado na unidade prisional para investigar o caso.

Cela da fuga frustada foi reparada e processo administrativo aberto

Os detentos foram transferidos de cela e um reparo foi feito no local. A direção do presídio informou que instaurou um processo administrativo para apurar o fato, investigado como tentativa de fuga em massa.

Confira a nota da DGAP 

“Os servidores da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Rio Verde, pertencente a 6ª Regional Sudoeste da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) evitaram uma fuga na tarde da última quinta-feira, 07/03, ao descobrirem o inicio de um buraco em uma cela.

De acordo com o diretor da unidade, Adriano Pereira, os agentes realizavam um procedimento de revista estrutural na unidade quando se depararam com a escavação que já estava com cerca de 22 centímetros, no banheiro da cela. No local havia 13 detentos que imediatamente foram transferidos de cela e o reparo foi feito.

Ainda segundo a direção, durante a revista também encontraram o objeto que pode ter sido usado para cavar o buraco. Um procedimento interno será instaurado para apurar o fato.

Comunicação SetorialDiretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)”

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

Restaurantes em Anápolis: 11 opções que você precisa conhecer

Além de oferecerem comidas extremamente saborosas, muitos restaurantes em Anápolis ainda proporcionam experiências únicas para seus clientes.
08/03/2019, 16h58

O Brasil é, sem dúvida, um dos países mais distintos do mundo, seja por sua gente, sua cultura ou mesmo pela gastronomia. Este último caso em específico deixa essa diversidade ainda mais evidente, já que há muita diferença entre a culinária de cada região do país. E se você é apaixonado pela boa comidinha goiana, preparamos uma listinha com os melhores restaurantes em Anápolis para você aproveitar!

Embora boa parte deles tenham como prioridade a comida tipicamente goiana, outros também abrem as portas para a gastronomia internacional, oferecendo sempre pratos ricos em sabor e qualidade. Portanto, se você está pensando em levar a família ou os amigos para um programinha diferente, a lista a seguir pode te ajudar! Dá uma olhada!

Conheça os melhores restaurantes em Anápolis:

1 – El Mare Restaurante e Buffet

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Criado no ano de 2017, o El Mare conta com um cardápio diferente, especializado em frutos do mar, risotos e grelhados, se destacando por ser o primeiro entre os restaurantes em Anápolis a privilegiar tais pratos.

Com o objetivo de sempre inovar e entregar os melhores produtos e serviços aos clientes, o local ainda oferece um ambiente super confortável e que remete ao litoral brasileiro, proporcionando experiências únicas e incríveis para quem decide se deliciar com os pratos da casa. Vale a pena conhecer! Confira o cardápio da casa clicando aqui.

Horário de atendimento: terça a sexta, das 19h às 23h / sábado, das 13h às 15h30 e das 19h às 23h30 / domingo, das 12h às 15h30

Telefone: (62) 3701-1365

Endereço: Avenida Bernadino Silva, 68 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75113-040

2 – Restaurante Fulô Do Cerrado

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Entre os restaurantes em Anápolis, o Fulô do Cerrado é certamente um dos mais queridos, principalmente quando se leva em consideração que está sempre cheio. Por ali a comida é muito gostosa e sempre conta com boa variedade de pratos, agradando a todos os gostos.

Assim como o próprio nome sugere, alguns pratos, pasteis, sobremesas e sorvetes levam ingredientes do cerrado, bem como a decoração, que conta com artigos tipicamente encontrados nesta região, com bastante artesanato. O local é bastante concorrido e o recomendado é chegar antes ou depois dos horários de pico.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 11h às 14h / sábado, das 11h às 14h30

Telefone: (62) 3317-4336

Endereço: Rua Luiz França, nº21 esquina c/ Praça Gen. Curado – Jundiaí, Anápolis – GO, 75110-760

3 – Chão Goiano Restaurante

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Com dois restaurantes em Anápolis, o Chão Goiano já é tradição para quem está sempre em busca de um almoço saboroso e que dê valor à regionalidade. A história do lugar começou ainda em 1996, quando funcionava apenas como lanchonete.

Passado algum tempo, o lugar passou a servir também refeições prontas no almoço, com um toque bem regional e que conquistou o coração da população. Não demorou muito para que o espaço ficasse pequeno e tivessem que se mudar para um ambiente maior.

Atualmente, possui capacidade para até 400 pessoas, oferecendo uma ambientação rústica e tipicamente decorada. Por ali você encontra comida tipicamente goiana o ano inteiro, preparada sempre com produtos da mais alta qualidade. Para conferir o cardápio, clique aqui.

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h às 14h30

Telefones: 

  • (62) 3321-2206
  • (62) 3706-2206

Endereços:

  • R. Sen. Sócrates Mardochen Diniz, 118 – St. Central, Anápolis – GO, 75025-020
  • R. Odorico da Silva Leão, 2 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75110-500

4 – Costela de Vaca

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

O lugar é ótimo e conta com um ambiente aconchegante. A comida é sempre saborosa e destaque também para o atendimento, que costuma ser bastante cordial. Os clientes podem escolher entre um menu com diversas carnes, onde dificilmente deixarão de encontrar uma opção que agrade. Melhor ainda é que a casa também conta com rodízio, sempre com muita carne e petiscos deliciosos!

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 18h às 00h / sábado, das 10h às 00h / domingo, das 10h às 17h

Telefone: (62) 3099-1467

Endereço: Av. Jamel Cecílio, 177 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75110-330

5 – Panelinha Restaurante e Bar

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Dando lugar para a comida regional, o restaurante serve fartos pratos à la carte, com destaque para o filé mignon da casa que vem acompanhado de feijão tropeiro… Simplesmente uma delícia! Por ali se encontra ainda ampla variedade de pratos, petiscos e bebidas para saciar sua fome, representando um lugarzinho perfeito para ir com os amigos ou com a família.

Horário de atendimento: terça a sexta, das 18h às 00h / sábado e domingo, das 11h à 1h

Telefone: (62) 3706-1011

Endereço: Av. Dom Prudêncio, 78 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75113-080

6 – Recanto da Chuleta

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Este é um dos melhores restaurantes em Anápolis, bastante conhecido por sua chuleta na chapa servida com os melhores acompanhamentos. Os clientes podem contar com um cardápio farto, recheado de pratos da comida brasileira, bem como de petiscos e saborosas bebidas.

É o lugarzinho perfeito para ir com os amigos ou com a família para desfrutar de boa comida, com a oportunidade ainda de tomar aquela cervejinha gelada e bater aquele papo, acompanhado de um ambiente informal e com música ao vivo.

Horário de atendimento: quarta a sábado, das 17h à 1h

Telefone: (62) 9 8168-8085

Endereço: Qd 25 Lote 8, R. 1, s/n – Santo André, Anápolis – GO, 75133-370

7 – Xico Baru Restaurante e Criações

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Com excelente localização, o restaurante possui um ambiente bastante confortável e atraente, com uma decoração encantadora. Os pratos são preparados com ingredientes frescos e de alta qualidade, o que garante o sabor sempre excelente.

No cardápio é possível encontrar boa variedade, desde pratos a petiscos, até hambúrgueres e aquela cervejinha gelada. Vale a pena conhecer!

Horário de atendimento: segunda a quarta, das 18h às 23h30 / quinta e sexta, das 18h às 00h / sábado, das 12h às 15h e das 18h às 00h / domingo, das 12h às 15h e das 18h às 23h

Telefone: (62) 3702-8299

Endereço: Av. Pinheiro Chagas, 765 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75110-580

8 – Topazi Restaurante

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

O Topazi também é um dos melhores restaurantes em Anápolis, prezando por sempre oferecer requinte e bom gosto aos seus clientes. O menu da casa é recheado com deliciosos pratos, sempre preparados cuidadosamente para a satisfação de todos.

O atendimento da casa também é excelente e todos possuem muito cuidado e atenção com os clientes. Vale destacar também sua carta de vinhos, que não deixa a desejar.

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 6h às 10h e das 19h às 23h / sábado e domingo, das 6h às 10h30 e das 19h às 23h

Telefone: (62) 3099-9512

Endereço: Denali Hotel – BR-153, 3661 – Fazenda Barreiro do Meio, Anápolis – GO, 75132-400

9 – Restaurante Barriga Cheia

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Com três restaurantes em Anápolis, aqui você encontra o que há de melhor da comida goiana. São pratos variados e com muito bom gosto, sem falar que a decoração do ambiente também agrada, deixando tudo ainda mais confortável.

No dia a dia, a cozinha é servida em buffet variado e com grelhados. É um lugarzinho perfeito para um almoço em família!

Horário de atendimento: domingo a sexta, das 7h às 16h

Telefones: 

  • (62) 3314-7756
  • (62) 3314-7443
  • (62) 3098-6262

Endereços: 

  • Avenida Brasil Sul, 559 B – Vila Goias, Anápolis – GO, 75115-260
  • Av. Brasil Sul, Quadra 23 – Lote 31 – St. Sul Jamil Miguel 1A Etapa, Anápolis – GO
  • Av. Universitária, 2742 – Vila Santa Isabel, Anápolis – GO, 75083-350

10 – La Massas

restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

Se você está procurando por restaurantes em Anápolis que sirvam deliciosas massas, este é o lugar certo. Talvez um dos ambiente mais românticos da cidade, é perfeito para um encontro e até mesmo para sair da rotina.

O cardápio é variado e além das massas, o destaque também vai para as saladas do local, em especial para a salada primavera, uma delícia! Os preços são acessíveis e também é possível encontrar música ao vivo durante alguns dias da semana.

Horário de atendimento: todos os dias, das 19h às 00h

Telefone: (62) 3311-6638

Endereço: Avenida Pinheiro Chagas, Quadra 20, Rua L-4, 650 – Jundiaí, Anápolis – GO, 75110-580

11 – Candeeiro

Restaurantes em Anápolis
Foto: Reprodução

A primeira unidade Candeeiro foi inaugurada em Goiânia. Por ser de uma família sulista, desde o princípio a casa seguiu tradição em servir deliciosos churrascos, o que conquistou aprovação de críticos e claro, da população em geral.

Foi em 2011 que o restaurante chegou em Anápolis e foi recebido de braços abertos. No almoço, é possível contar com um delicioso rodízio de carnes, enquanto na janta, rodízio de pizzas. Vale lembrar ainda que o local conta com uma brinquedoteca, perfeito para levar as crianças e deixá-las se divertirem. Confira o cardápio da casa clicando aqui.

Horário de atendimento: todos os dias, das 11h30 às 15h e das 18h30 às 00h

Telefone: (62) 3314-0256

Endereço: Av. Brasil Sul, Lote 7 A – St. Sul Jamil Miguel, Anápolis – GO, 75124-145

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Entidade responsável por programa Jovem Cidadão está ilegal, diz Caiado

Segundo o governador, o programa não vai acabar, apenas "passará para nova entidade", uma vez que, de acordo com ele, a atual estaria em situação ilegal há 20 anos.

Por Ton Paulo
08/03/2019, 17h01

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), em entrevista à rádio goiana 99,5 FM nesta sexta-feira (8/3) fez um apanhado geral sobre vários temas tratados nos primeiros 60 dias de seus governo. Em meio a polêmicas, Caiado falou sobre o suposto fim do programa de formação técnico-profissional para jovens, o Jovem Cidadão. Segundo o governador, o programa não vai acabar, apenas “passará para nova entidade”, uma vez que, de acordo com ele, a atual estaria em situação ilegal.

Na entrevista, dada hoje, Dia Internacional da Mulher, o governador do DEM afirmou categoricamente que o programa voltada para os jovens do estado de Goiás terá continuidade. Caiado revelou que vai lançar na próxima semana a licitação para escolha da nova empresa que deve oferecer, em suas palavras, “melhores condições aos participantes do programa”.

Caiado afirmou ainda que o contrato com a Rede Nacional de Aprendizagem Promoção Social e Integração (Renapsi), responsável pelo programa Jovem Cidadão, foi findado pois a entidade estaria em situação ilegal por não cumprir com exigências do Estado. “Ninguém vai acabar com o Jovem Cidadão. Estou fazendo o que sou obrigado a fazer pela lei, pois a entidade responsável pelo programa está em condições de ilegalidade. Não cumpriu as exigências e está assim há 20 anos”, apontou.

Conforme o governador, o Estado estava pagando quase R$ 1 mil reais por jovem, mas ele estava recebendo R$ 400.

A reportagem tentou entrar em contato com a assessoria de comunicação da Renapsi, mas não obteve retorno.

Decisão do governo Caiado sobre Jovem Cidadão afeta quase 5 mil estudantes

Atendendo a um parecer da Controladoria-Geral do Estado de Goiás (CGE-GO) e da Procuradoria-Geral do Estado FC (PGE-GO), o governador Ronaldo Caiado interrompeu no fim do mês de fevereiro, no dia 27/2, o contrato de quase 5 mil jovens do programa Jovem Cidadão. A interrupção dos contratos do programa de formação técnico-profissional para jovens do estado foi feita pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds).

A decisão interrompe os contratos de formação laboral em vigor de 4.417 jovens, de 14 a 18 anos, impedindo os jovens de continuarem a formação e qualificação profissional que recebem do programa. O ato, ainda, não leva em conta que os contratos são individuais e têm prazo de validade determinado. A interrupção do termo de colaboração entre a Organização Social (OS) responsável pelo programa, Rede Nacional Pró-Aprendiz (Renapsi), e o Estado paralisa a aprendizagem antes de sua conclusão.

O convênio com a OS deve ser encerrado no dia 14 de março. Na ocasião, a Seds declarou que o programa “não será extinto, mas sim aprimorado”.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Irregularidades no Programa Habitacional Morar Bem de Goianésia são investigadas pelo MPGO

Durante os levantamentos o MPGO não encontrou nenhuma informação sobre o processo seletivo que justificasse a escolha da CTH Construtora.
08/03/2019, 17h06

Um inquérito civil público foi instaurado na 1ª Promotoria de Goianésia pelo promotor de Justiça Antônio de Pádua Freitas Júnior, visando constatar um suposto caso de improbidade administrativa em Goianésia. A ação foi proposta com base nos processos envolvendo o município e o contrato com a empresa CTH Construtora, que foi escolhida para construir as casas habitacionais e comercializadas na planta do Programa Habitacional Morar Bem.

Conforme as informações do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO), o programa habitacional foi criado por meio da lei municipal nº 3.616 no dia 8 de junho de 2018. A lei tem como proposta a construção de casas populares que vão ser construídas por uma empresa privada, após um processo seletivo. No entanto, o programa em questão não é um programa habitacional voltado para pessoas de baixa renda, o mesmo é aberto primeiramente para os servidores do município e o público em geral.

O promotor mostra no inquérito que estes são alguns critérios e requisitos, que devem ser observados na lei da aquisição de imóveis e que um regulamento simples deveria ser editado 90 dia após a publicação da lei, mas isso não aconteceu. Conforme o MPGO, o texto do programa mostra que a Prefeitura poderia dar suporte financeiro aos beneficiários, sem mencionar o valor do gasto e de onde iriam vir os recursos.

Lei que criou o Programa Habitacional Morar Bem previa processo seletivo, mas nenhuma informação sobre o processo foi encontrada

A ação civil mostra que o texto da lei municipal previa um processo seletivo para a escolha de uma empresa privada para construção e comercialização dos imóveis. No entanto, durante os levantamentos o MPGO não encontrou nenhuma informação sobre um processo de licitação que justificasse a escolha da CTH Construtora.

O Ministério considera na ação que a escolha da CTH Construtura e a compra do terreno para construção das casas foi feita de maneira nebulosa, pois foi feita sem a publicação de um edital de chamamento público, o que é considerado inadequado. Além disso, o edital previa que o terreno não seria vendido a construtora e sim doado a empresa, o que é proibido por lei.

O promotor que move a ação contra a empresa e o município levantou também que nem o edital, e nem documentos relacionados à transação estão no Portal da Transparência do município.

Durante a instrução da investigação foi determinado que os investigados sejam notificados, para que no prazo de 10 dias possam prestar os devidos esclarecimentos. Além do prazo para os esclarecimentos, um ofício vai ser enviado ao presidente da Câmara Municipal de Goianésia solicitando as cópias das atas das sessões feitas para votação da leia que criou o programa e um ofício do Cartório de Registro de Imóveis com a certidão  do imóvel destinado a construção das casas.

Via: MPGO 
Imagens: MPGO 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.