Brasil

Incêndio atinge Refinaria de Manguinhos, zona norte do RJ

Segundo o Corpo de Bombeiros, até o momento, não há registro de vítimas.
17/12/2018, 14h48

Um incêndio atinge a Refinaria de Manguinhos, na zona norte do Rio, na tarde desta segunda-feira,17. Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, o trânsito tem retenção, no sentido Centro, entre Manguinhos e o bairro do Caju. O Corpo de Bombeiros está no local.

Por conta do incêndio, a pista lateral da Avenida Brasil está interditada, na altura da Linha Amarela, sentido Fundão. O desvio é pela pista central.

De acordo com o Centro de Operações Do Rio, os motoristas devem usar a saída da Linha Vermelha.

O fogo e a fumaça preta podem ser vistos de diversos pontos da cidade.

Segundo o Corpo de Bombeiros, até o momento, não há registro de vítimas. Os bombeiros dos quartéis do Caju e de Benfica receberam reforço de militares do Quartel Central.

Caminhões-tanque com água dão apoio ao trabalho dos bombeiros que, além de resfriar os depósitos de combustíveis, têm preocupação de evitar que o fogo atinja a área de mata ao redor de uma das partes da refinaria e que possa chegar até a comunidade de Manguinhos que fica próxima.

Imagens: G1 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Dia Gourmet

Comidas típicas de Goiás: 10 delícias para experimentar

Convenhamos... As comidas típicas de Goiás são capazes de fazer qualquer um salivar! Verdadeiras delícias!
17/12/2018, 15h04

Não há como negar… As comidas típicas de Goiás estão entre as mais saborosas do Brasil! É claro que as vezes nos aventuramos com a culinária árabe e até mesmo a japonesa, por exemplo. Mas não há nada que nos satisfaça tanto quanto as comidinhas tradicionais de nosso querido estado. É claro que, assim como a maior parte do cardápio brasileiro, a gastronomia de Goiás nasceu a partir da influência de cozinhas indígenas e europeias, carregando consigo características fortes.

No entanto, temos um diferencial que transforma nossa culinária em algo requisitado em todas as partes do país: a utilização de ingredientes típicos do cerrado. Somente por aqui você terá a oportunidade de experimentar diversos pratos feitos com aquele frutinho amarelo que conhecemos tão bem, o famoso pequi.

Com ele fazemos pratos, doces, sorvetes e até sucos, dá pra imaginar?! E olha que fica uma delícia, embora divida opiniões! E o que dizer sobre a guariroba? Com ela também é possível preparar uma infinidade de pratos. Mas e aí, ficou curioso? Então confira a listinha especial que preparamos para você!

Conheça algumas comidas típicas de Goiás:

1 – Arroz com pequi

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Sumerbol

E é claro que não poderíamos abrir nossa listinha de comidas típicas de Goiás falando sobre outro prato. Você já deve ter observado que sempre que nosso estado vira assunto, a primeira coisa que vem na mente das pessoas é o tão famoso pequi. Por ser um fruto típico do cerrado, nem todo mundo já teve a oportunidade de experimentar, mas o que podemos dizer é que o alimento sempre gera intensas discussões, já que não parece ter um meio termo.

Não é como se você pudesse gostar só um pouco, entende? Ou gosta, ou não gosta! O cheiro e o sabor forte do fruto fazem com que ele seja amado ou odiado, não há escapatória! A grande questão é que por ser algo tradicionalmente goiano, acaba sendo introduzido em nossa alimentação muito cedo, o que já acaba despertando esse amor. É claro que se pode encontrar um goiano que não curta, mas de forma geral, quando o assunto é arroz com pequi, a boca costuma salivar…

2 – Empadão Goiano

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Uol

E por falar nas comidas típicas de Goiás, quem é que não adora um bom empadão goiano? Enquanto o restante do país ficava apenas com suas tortinhas de frango, os goianos saíram na frente e desenvolveram essa delícia de massa fina e muito recheio!

Inicialmente ela era chamada apenas de empada, ou até mesmo empada goiana, mas passou a ser confundida com as empadinhas que começavam a ganhar popularidade mas que convenhamos, nem chegavam aos pés da receita tradicional do estado. Por tais razões, acabou ganhando o nome de “empadão goiano“, o que por sinal, já diz muito a respeito.

Por regra, a tortinha é assada em fôrma redonda, forrada com a própria massa, o que garante que ela fique mais suave e fina, ressaltando o recheio. E por falar do recheio, também pode variar bastante e atualmente é possível encontrá-la de muitos sabores. No entanto, a receita original conta com frango, guariroba (ou “gueroba”, para os mais íntimos) e azeitona. Mas também pode contar com pequi e palmito.

Já experimentou o empadão goiano vendido no Mercado Central, em Goiânia? Caso não, vale a pena! A lanchonete do local conta com vários estabelecimentos que vendem essa delícia!

3 – Pamonha goiana

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Curta Mais

Embora a pamonha possa ser facilmente encontrada em outras regiões do Brasil, é possível dizer com convicção que não chegam nem perto da pamonha goiana. Ainda nos dias de hoje, muitas famílias se reúnem aos fins de semana para fazer pamonha, ou ir até uma pamonharia saborear essas delícias já prontas.

As mais pedidas sempre são as de doce, de sal e a moda (com queijo, linguiça, cebolinha verde e pimenta). Mas ainda é possível encontrar opções com catupiry, guariroba, creme de pequi, jiló e muito mais. A criatividade na hora de escolher os ingredientes é sempre o diferencial e também o fator chave para definir o sabor de uma pamonha de sucesso!

4 – Guariroba (ou gueroba, como preferir)

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução

Assim como já mencionamos anteriormente, a guariroba ganha um apelido especial em Goiás, sendo chamada também de gueroba. Se você não conhece, trata-se de uma palmeira típica do cerrado brasileiro, marcada pelo sabor amargo de seu palmito. Assim como o pequi (mas em menores proporções), também acaba dividindo opiniões e sempre há aqueles que gostam muito e os que simplesmente detestam.

guariroba pode ser preparada refogada e servida como uma guarnição individual, mas diversas comidas típicas de Goiás ainda levam o “palmito amargo” em suas receitas. O que dizer sobre o frango com guariroba, por exemplo? Simplesmente uma delícia!

5 – Galinhada

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Ajinomoto

Uma das comidas típicas de Goiás, e também uma das mais amadas, é a galinhada. Pelo menos há algum tempo atrás, esse era o prato principal em reuniões de famílias e convenhamos, todo mundo se deliciava. E não vá pensando que se trata apenas de arroz com galinha, pois a receita por aqui leva ingredientes mais do que especiais!

A galinhada goiana conta também com o tão querido pequi, que faz toda a diferença no sabor. Também é comum usar milho e a guariroba, que mencionamos acima. Pimenta e cebolinha verde também são muito bem vindos! A combinação fica simplesmente incrível e é difícil comer sem repetir!

6 – X-salada

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Uber Eats

Quem vê o nome “x-salada” sem ter o mínimo conhecimento de causa, pode pensar que se trata de algo completamente diferente da realidade. Caso você não conheça, estamos falando de hambúrguer, mas claro, com aquele toque especialmente goiano.

Os x-saladas (ou x-tudo, podrão, etc) podem ser encontrados nos tradicionais pit dogs de Goiás, mas principalmente em Goiânia, já que sempre existe um em cada esquina. São pequenas lanchonetes de rua, que preparam sanduíches capazes de colocar no chinelo muitas hamburguerias por aí.

Os sanduíches costumam ser enormes, contando sempre com muito milho, batata palha e grandes pedaços de bacon. O restante dos ingredientes pode variar muito, mas apenas para que você tenha ideia, é possível encontrar opções que contam com ovo e abacaxi no mesmo sanduíche. Apesar de não parecer uma boa ideia, o sabor surpreende! O melhor de tudo é o custo-benefício, já que os valores cobrados em pit dogs são bem em conta. Vale a pena!

7 – Panelinha

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Malu Visita

As panelinhas também são comidas típicas de Goiás, ganhando receitas com sabores completamente diferentes e temperos especiais. Para quem não conhece, é uma espécie de risoto mais rústico, feito à base de arroz, frango ou carne, temperos como pimenta e cebolinha, açafrão e em muitos casos, o pequi também está incluído. Como toque especial, o queijo faz uma cobertura por cima, garantindo um sabor a mais.

8 – Cuca Goiana

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Viva Comida

A receita da Cuca Goiana foi herdada da cultura sulista, onde o termo “cuca” vem da palavra alemã “Kuchen”, que tem o significado de “bolo”. Apesar disso, o prato não é exatamente um bolo mas sim um pão doce com bastante recheio.

Em nosso estado, a receita conta com ovos, farinha e açúcar, sendo recheada principalmente com banana e canela. É simplesmente uma delícia!

9 – Matula Goiana

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Viagem e Turismo

Entre as comidas típicas de Goiás se encontra a Matula, que é um tutu de feijão, preparado com feijão branco ou mulatinho, engrossado com farinha de mandioca. Além disso, a receita ainda pode ser incrementada com ingredientes como linguiça, carne de lata ou carne de sol.

10 – Carne com quiabo

comidas típicas de Goiás
Foto: Reprodução/ Segredos da tia Emilia

Muita gente pode odiar o quiabo, mas em nosso estado ele ganha um espacinho especial ao lado das carnes. Considerada como uma das comidas típicas de Goiás, a carne com quiabo tem preparo bem simples, onde a carne pode ser picada em cubinhas e servida com tiras de quiabo, que podem ser temperados com pimenta, ou outros condimentos a gosto. O prato é mais encontrado no interior, servido ao lado de um bom arroz branco.

E aí, ficou com água na boca? Então clique aqui e confira nossa matéria especial, com excelentes lugares para saborear o melhor que a comida goiana pode oferecer!

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Brasil

Delegados e promotores vão discutir provas e depoimento de João de Deus

A investigação contra João de Deus se concentra em 15 casos; cada um deles vai ter seu próprio inquérito e investigação própria.
17/12/2018, 15h08

Delegados da Polícia Civil de Goiás e promotores do Ministério Público do Estado vão se reunir na tarde desta segunda-feira, 17, na Secretaria de Segurança Pública de Goiás, para discutir as provas e o depoimento do médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, colhido ontem.

O objetivo da reunião é a Polícia Civil dividir as novas informações da investigação com o MP, que também deverá ouvir o líder religioso em algum interrogatório a ser marcado. Neste momento, o Ministério Público está se concentrando em finalizar as oitivas com as testemunhas, informação que também será compartilhada na reunião de hoje. Só após estas etapas é que os promotores concluirão a denúncia contra João de Deus.

No primeiro depoimento à Polícia Civil, João de Deus negou todas as acusações de abuso sexual. Ele deve ser intimado a um novo interrogatório quando a investigação for apurar outros possíveis crimes.

Por enquanto, a investigação contra João de Deus se concentra em 15 casos, que serão apurados separadamente. Cada um deles vai ter seu próprio inquérito e investigação própria.

Apesar da investigação se concentrar nesses casos, a Polícia Civil espera receber ainda mais denúncias agora que João de Deus foi preso preventivamente. O líder espiritual está, neste momento, no Complexo Penitenciário de Aparecida de Goiânia, a 20 quilômetros da capital.

Imagens: R7 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Economia

Bolsonaro anuncia interesse em explorar mineral em abundância em Goiás

Goiás é detentor de uma grande quantidade de calcário, de onde se extrai o cálcio. Fato chama a atenção do presidente eleito.

Por Ton Paulo
17/12/2018, 15h19

A estado de Goiás tem em abundância algo que o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), indicou estar bem interessado em explorar. No último domingo (16/12), Bolsonaro anunciou que está analisando o potencial de exploração de reservas de cálcio no país. Goiás é um dos estados que contam com as maiores reservas de calcário, rocha fonte do cálcio, do Brasil. Além de Goiás, se destacam também Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná.

O anúncio foi feito pelo Twitter. Na publicação, o presidente eleito diz que está analisando o potencial de exploração de reservas de potássio, cálcio e magnésio no país junto com os futuros ministros de Minas e Energia, almirante Bento Albuquerque, e da Agricultura, Tereza Cristina. Ele ainda declara que “hoje, mesmo com as maiores reservas, dependemos [os brasileiros] de matéria-prima importada para produzir fertilizantes”.

Interesse de Bolsonaro em Goiás tem relação à abundância de calcário no estado

Dados da Agência Nacional de Mineração (ANM) apontam que as reservas lavráveis de calcário no Brasil estão relativamente bem distribuídas pelos estados e, como em muitos países, representam centenas de anos de produção nos níveis atuais.

Juntos, os estados de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná detêm quase 60% das reservas medidas de calcário do país, o que pode significar um investimento da exploração do mineral extraído dele, o cálcio, por parte do governo federal.

Quanto ao potássio, por causa da pequena produção interna, o Brasil importa cerca de 90% do potássio, principalmente do Canadá, da Rússia, da Alemanha, e de Israel.

Já o magnésio pode ser obtido, principalmente, por meio da exploração da dolomita, magnesita e dos sulfatos. Segundo a ANM, o Brasil tem extensos depósitos de magnesita na Bahia e também conta com reservas no Ceará.

Na última terça-feira (11/12), ao ser perguntado sobre as ações da pasta para 2019, o almirante Bento Albuquerque declarou que os desafios são “enormes”. De acordo com o futuro ministro de Minas e e Energia, “não só no setor elétrico, mas também na questão de óleo e gás, da mineração tem a cessão onerosa”, e deverá haver uma discussão quanto ao contrato de Itaipu. E na questão de energia elétrica, o almirante disse que o objetivo é “fornecer energia mais barata para o consumidor e para aquele que está investindo no país, que vai começar a crescer”, finaliza.

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Damares: secretaria de promoção da igualdade racial será mantida em novo governo

"Foco na dignidade da pessoa humana".
17/12/2018, 15h21

A futura ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, informou nesta segunda-feira, 17, por meio de nota, que a Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) será mantida e permanecerá com a mesma nomenclatura, “com foco na dignidade da pessoa humana”.

“Informamos ainda que o objetivo da Secretaria será o de ampliar as ações de acesso às políticas públicas, para a população negra, indígena, quilombola, cigana, moradores do semiárido, comunidades ribeirinhas e comunidades tradicionais”, diz a nota.

Imagens: The Intercept 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.