Política

Conheça o perfil dos candidatos ao Governo de Goiás

Segundo o TSE, os candidatos ao Governo de Goiás podem, a partir de hoje (16/8), começar com tudo a campanha eleitoral.

Por Ton Paulo
16/08/2018, 08h10

Segundo a regra determinada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a campanha eleitoral plena dos candidatos tanto à Presidência da República quanto ao Governo dos Estados começa hoje, dia 16 de agosto, e os candidatos ao Governo de Goiás já estão preparados na “linha de largada”.

Os concorrentes, que já participaram das convenções de seus respectivos partidos, agora já podem fazer campanha eleitoral.

Estão autorizadas, até o dia 6 de outubro, véspera do primeiro turno, a distribuição de material gráfico, a realização de caminhadas, carreatas ou passeatas e o uso de carro de som pelas ruas, divulgando jingles ou mensagens dos candidatos. Até 5 de outubro, são permitidos anúncios pagos, na imprensa escrita, e a reprodução, na internet, limitados a dez por veículo, em datas diversas, para cada candidato, com tamanho máximo de um oitavo de página de jornal padrão e um quarto de página de revista ou tabloide.

E no meio do bombardeio de campanhas e propagandas políticas, nada melhor do que o eleitor conhecer o perfil dos principais candidatos que concorrem ao Executivo.

Candidatos ao Governo de Goiás

Alda Lúcia – PCO

Conheça o perfil dos candidatos ao Governo de GoiásAlda Lúcia nasceu em 10 de julho de 1983 em Cruzeiro do Sul, Acre.

Formou-se em Sociologia pela Universidade de Brasília (UnB), se especializando na Universidade Federal de Goiás (UFG). A candidata também trabalhou no Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Daniel Vilela – MDB

Conheça o perfil dos principais candidatos ao Governo de Goiás

Daniel Elias Carvalho Vilela nasceu em Jataí, em 23 de outubro de 1983. Ele é filho de Maguito Vilela, ex-governador do Estado de Goiás.

Formou-se em Direito pela Universidade Salgado de Oliveira (Universo), e se especializou em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Daniel Vilela jogou futebol profissionalmente na juventude, no Goiás Esporte Clube e Atlético Clube Goianiense.

Em 2008, foi eleito como vereador por Goiânia. Em 2010 foi eleito para a Assembleia Legislativa de Goiás, como um dos deputados mais bem votados. Em 2014 foi eleito como deputado federal, mandato que cumpre até hoje, todos os cargos pelo MDB (antigo PMDB).

Katia Maria – PT

Conheça o perfil dos principais candidatos ao Governo de Goiás

Kátia Maria dos Santos nasceu em Goiânia em 24 de junho de 1973. Professora universitária, consultora em planejamento e coach, Katia é Mestre pela Universidade Federal de Goiás (UFG), além de empresária na área de planejamento e gestão.

Quando jovem, atuava como voluntária em associações de mulheres de Senador Canedo. Katia foi membro do Sindicato dos Servidores Públicos de Senador Canedo e do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Goiás (Sintego). Paralelamente, coordenou a Organização Não-Governamental Avançar, em Senador Canedo, que atuava nas áreas de educação e cultura.

Em 2010, coordenou a campanha de Dilma Rousseff para a Presidência na internet, no estado de Goiás. Filiada ao Partido dos Trabalhadores desde 2003, foi a primeira presidente mulher do Diretório Estadual do PT.

Marcelo Lira – PCB

Conheça o perfil dos candidatos ao Governo de GoiásMarcelo Lira nasceu em 1981, em São Paulo, mudando-se posteriormente para Goiânia.

O candidato é formado em Ciências Sociais e Filosofia, e tem mestrado e doutorado em Ciências Sociais e pós-doutorado em História. É professor do Instituto Federal de Goiás (IFG).

Professor Weslei – PSOL

Conheça o perfil dos candidatos ao Governo de Goiás

Weslei Garcia de Paulo nasceu em Taguatinga (DF) em13 de janeiro de 1983. Formou-se em Pedagogia, e fez pós-graduação em Docência do Ensino superior e Mestrando em Educação na Universidade de Brasilia (UnB).

Aos 16 anos iniciou a militância no movimento estudantil, sendo presidente do Grêmio da Escola Normal de Brasília. Em 2004 foi morar em Valparaíso de Goiás onde assumiu o cargo de professor concursado da rede municipal. Foi professor da rede estadual de Goiás durante quatro anos. Em 2014, assumiu o cargo de professor concursado da rede pública no Distrito Federal, é também professor universitário.

É vice presidente do SINPROES- Sindicato dos Professores do Entorno Sul. Filiou-se ao PSOL em 2005. Foi candidato ao Governo do Estado em 2014. Atualmente é presidente do PSOL Goiás.

Ronaldo Caiado – DEM

Conheça o perfil dos principais candidatos ao Governo de Goiás

Ronaldo Ramos Caiado nasceu no município de Anápolis em 25 de setembro de 1949. Formou-se em medicina na Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e foi professor assistente do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Foi eleito deputado federal do Estado de Goiás pelo PSD em 1990, e no ano seguinte filiou-se ao PFL (atual DEM, no qual é filiado até hoje). Reelegeu-se deputado federal em 1998, 2002, 2006 e 2010, e foi eleito para o Senado em 2015 (mandato que cumpre até hoje).

Ronaldo Caiado foi o primeiro presidente da União Democrática Ruralista (UDR), associação civil criada em maio de 1985 por grandes proprietários de terras, com a finalidade de defender a propriedade privada e como expressão da radicalização patronal rural contra a política agrária promovida pelo governo federal no começo da administração do presidente José Sarney.

Ze Eliton – PSDB

Conheça o perfil dos principais candidatos ao Governo de Goiás

José Eliton de Figuerêdo Júnior nasceu em 27 de agosto de 1972, em Rio Verde. Formou-se em Direito pela Universidade Católica de Goiás (CG), atual PUC Goiás, se especializando em Direito Eleitoral.

Fez parte da Comissão de Juristas do Senado Federal na elaboração do anteprojeto de reformulação do Código Eleitoral Brasileiro. Também foi tesoureiro do Instituto Goiano de Direito Eleitoral (IGDEL) e membro da Comissão de Direito Político e Eleitoral da OAB de Goiás, além de presidente da CELG.

Foi eleito em 2010 na chapa do ex-governador Marconi Perillo (PSDB), como vice. Em abril de 2018, Marconi deixou o Governo para concorrer ao Senado, e Zé Eliton assumiu em seu lugar, sendo o atual governador do Estado.

No dia 28 de setembro de 2016, Zé Eliton sofreu um atentado durante uma carreata em Itumbiara, região sul do Estado. O candidato, que era secretário de segurança pública à época, foi atingido por uma bala depois que um atirador abriu fogo contra Zé Eliton e a equipe presente. Depois de ser internado e a bala removida, Zé Eliton se recuperou do incidente.

Via: FGV Câmara dos Deputados Senado 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Ao todo, 12 candidatos ao Senado pelo Estado de Goiás vão disputar as eleições.

Por Ton Paulo
16/08/2018, 10h05

Com o aval do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e as candidaturas devidamente registradas, os concorrentes das eleições de 2018 começam oficialmente hoje (16/8) suas campanhas. E os candidatos ao Senado por Goiás, 12 ao todo, já intensificam o corpo a corpo com o eleitorado goiano.

Conheça agora o perfil daqueles que vão concorrer a uma vaga no Senado Federal.

Candidatos ao Senado por Goiás

Agenor Mariano (MDB)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Aos 44 anos, o ex-vice-prefeito e ex-secretário de Planejamento da Prefeitura Agenor Mariano deixou o Paço para disputar o Senado pelo MDB.

Fabrício Rosa (PSOL)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Policial rodoviário federal, Fabrício Rosa é formado em Direito pela UFG e é o único candidato assumidamente gay. Vai disputar o Senado pelo PSOL.

Jorge Kajuru (PRP)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Nascido em 1961, Kajuru é jornalista esportivo, radialista, empresário e apresentador. Vai disputar pelo PRP.

Lúcia Vânia (PSB)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Jornalista formada pela UFG, a senadora Lúcia Vânia é pós-graduada em História da Arte e vai tentar se reeleger pelo PSB.

Luis César Bueno (PT)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Nascido em 1060, o deputado estadual Luís César Bueno é professor licenciado em História e Estudos Sociais, e pós-graduado em Políticas Públicas. Vai tentar se eleger para o Senado pelo PT.

Marconi Perillo (PSDB)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Marconi nasceu em 1963, em Palmeiras de Goiás Foi deputado estadual e federal, senador e governador do Estado de Goiás. Não chegou a se formar na Universidade. e tentará o Senado pelo PSDB.

Professora Geli (PT)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

A vereador de Anápolis Maria Geli nasceu em 1961, em Silvânia. Formou-se em Pedagogia e fez mestrado em Educação. Tentará se eleger pelo PT.

Professor Alessandro Aquino (PCO)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

O professor e advogado Alessandro Aquino nasceu em 1991. Também formado em Biologia, vai concorrer a uma vaga no Senado pelo PCO.

Professora Magda Borges (PCB)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

A professora universitária Magda Borges nasceu em São Luís de Montes Belos, em 1974. A candidata vai tentar uma vaga no Senado Federal pelo PCB.

Santana Pires (Patriotas)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

O comerciante Santana Pires nasceu em Jaraguá, em 1972. Vai disputar o Senado pelo partido Patriotas.

Vanderlan Cardoso (PP)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Nascido em Iporá no ano de 1962, o empresário e ex-candidato à Prefeitura de Goiânia, Vanderlan Cardoso, vai concorrer pelo PP.

Wilder (DEM)

Saiba quem são os candidatos ao Senado por Goiás

Wilder Morais nasceu em Taquaral de Goiás, em 1968. É formado em Engenharia Civil. Foi Secretário de Estado de Infraestrutura de Goiás, e vai tentar se reeleger ao Senado pelo DEM.

Via: G1 Senado 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Política

Lula publica carta após registrar candidatura no TSE

Publicada no site do candidato, a carta é direcionada à população em geral. No documento, Lula reafirma "caçada judicial" contra ele por parte do juiz Sérgio Moro.

Por Ton Paulo
16/08/2018, 10h47

Em meio a um mar de incertezas jurídicas, o candidato à Presidência da República pelo PT, Luís Inácio Lula da Silva, publicou ontem (15/8) uma carta em que o ex-presidente reafirma sua condição de candidato e denuncia o que ele chama de “caçada judicial”.

A carta, publicada no site do próprio Lula e direcionada à população em geral, foi divulgada logo depois que a candidatura do petista foi registrada no TSE. O documento foi lido por Fernando Haddad, vice de Lula, no ato feito em defesa da candidatura nas imediações do TSE, que reuniu, segundo os organizadores, cerca de 50 mil manifestantes.

Na carta, Lula afirma que foi condenado pelo juiz Sérgio Moro “pela prática de “atos indeterminados” para tentar tirá-lo da eleição”, e que o magistrado “usou de uma “fake news” produzida pelo jornal O Globo sobre um apartamento no Guarujá” para embasar o processo.

Lula diz ainda que “chegou-se ao ponto em que uma decisão de um desembargador que restabelecia a sua liberdade não foi cumprida por orientação telefônica dada por Moro”, o que, segundo o petista, fere a legitimidade democrática da Justiça.

O ex-presidente e candidato finaliza a carta afirmando que “não pretende morrer, e nem cogita renunciar”, e que “vai brigar pelo registro [da candidatura] até o final”.

Leia a carta na íntegra

Registrei hoje a minha candidatura à Presidência da República, após meu nome ter sido aprovado na convenção do PT, com a certeza de que posso fazer muito para tirar o Brasil de uma das piores crises da história. A partir dessa aprovação do meu nome pelas companheiras e companheiros do PT, do PCdoB e do PROS, passei a ter o direito de disputar as eleições.

Há um ano, um mês e três dias, Sérgio Moro usou do seu cargo de juiz para cometer um ato político: ele me condenou pela prática de “atos indeterminados” para tentar me tirar da eleição. Usou de uma “fake news” produzida pelo jornal O Globo sobre um apartamento no Guarujá.

Desde então, o povo brasileiro aguarda, em vão, que Moro e os demais juízes que confirmaram a minha condenação em segunda instância apresentem alguma prova material de que sou o proprietário daquele imóvel, que digam qual foi o ato que eu cometi para justificar uma condenação. Mas o que vemos, dia após dia, é a revelação de fatos que apenas reforçam uma atuação ilegítima de agentes do Sistema de Justiça para me condenar e me manter na prisão.

Chegou-se ao ponto em que uma decisão de um desembargador que restabelecia a minha liberdade não foi cumprida por orientação telefônica dada por Moro, pelo presidente do TRF-4 e pela Procurador-Geral da República ao Diretor-Geral da Polícia Federal.

Como defender a legitimidade de um processo em que conspiram contra a minha liberdade, desde o juiz de primeira instância até a Procuradora-Geral da República?

Sou vítima de uma caçada judicial que já está registrada na história.

Tenho certeza de que, se a Constituição Federal e as leis desse país ainda tiverem algum valor, serei absolvido pelas Cortes Superiores.

A expectativa de que os recursos apresentados pelos meus advogados resultem na minha absolvição no STJ ou no STF é o que basta, segundo a legislação brasileira, para afastar qualquer impedimento para que eu possa concorrer.

Não estou pedindo nenhum favor. Quero apenas que os direitos que vêm sendo reconhecidos pelos tribunais em favor de centenas de outros candidatos há anos também sejam reconhecidos para mim. Não posso admitir casuísmo e o juízo de exceção.

O Comitê de Direitos Humanos da ONU já emitiu uma decisão que impede o Estado brasileiro de causar danos irreversíveis aos meus direitos políticos – o que reforça a impossibilidade de impedirem que eu dispute as eleições de 2018.

Quero que o povo brasileiro possa decidir se me dará a oportunidade de, junto com ele, consertar este país.

A partir de amanhã, vamos nos espalhar pelo Brasil, nas ruas, no trabalho, nas redes sociais, mas, principalmente, olhando nos olhos das pessoas, para lembrar que esse país um dia já foi feliz e que os mais pobres estavam contemplados no orçamento da União como investimento, e não como despesa.

Cada um de vocês terá que ser Lula fazendo campanha pelo Brasil, lembrando ao povo brasileiro que, nos governos do PT, o povo trabalhador teve mais emprego, maiores salários e melhores condições de vida.

Que um nordestino que mora no Sul podia visitar sua família de avião e não somente de ônibus.

Que um pobre, um negro ou um índio podia ingressar na universidade.

Que o pobre podia ter casa própria e comer três vezes ao dia.

Que a luz elétrica era acessível a todos.

Que o salário mínimo foi aumentado sem causar inflação.

Que foi posto em prática aquele que a ONU considerou o melhor programa de transferência de renda do mundo, beneficiando 14 milhões de famílias e tirando o Brasil do Mapa da Fome.

Que foram criadas novas universidades e novos cursos técnicos.

Para recuperar o direito de fazer tudo isso e muito mais é que sou candidato a Presidente da República.

Vamos dialogar com aqueles que viram que o Brasil saiu do rumo, estão sem esperança, mas sabem que o país precisa resolver o seu destino nas urnas, não em golpes ou no tapetão.

Lembrar que, com democracia, com nosso trabalho, o Brasil vai voltar a ser feliz.

Enquanto eu estiver preso, cada um de vocês será a minha perna e a minha voz. Vamos retomar a esperança, a soberania e a alegria desse nosso grande país.

Companheiras e companheiros, o Moro tinha até hoje para mostrar uma prova contra mim. Não apresentou nenhuma! Fato indeterminado não é prova! Por isso, sou candidato.

Repito: com meu nome aprovado na convenção, a Lei Eleitoral garante que só não serei candidato se eu morrer, renunciar ou for arrancado pela Justiça Eleitoral. Não pretendo morrer, não cogito renunciar e vou brigar pelo meu registro até o final.

Não quero favor, quero Justiça. Não troco minha dignidade por minha liberdade.

Um forte abraço,

Lula

Via: Lula 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Goiás

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília

Nada melhor que um Hotel Fazenda ou Pousada para quem quer curtir aquele descanso merecido.
16/08/2018, 11h39

Hoteis fazenda e pousadas em Goiás são as melhores opções para quem quer curtir aquele descanso merecido. Seja sozinho, com família ou amigos, um espaço aconchegante, cercado de natureza e muitas opções de lazer é o ideal para tirar o stress do dia a dia.

E nosso Estado tem opções para todos os gostos e localizações. Esteja você procurando acomodações no entorno de Brasília, no interior de Goiás ou pertinho de Goiânia, esta lista com certeza tem o que você procura.

São lugares belíssimos, com natureza exuberante e uma tranquilidade que recarrega as energias de qualquer um.

Confira abaixo nossa lista, escolha o que mais te agrada, ligue, faça sua reserva e bom descanso.

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás

1. Pousada Monjolo –  a aproximadamente 40km de Goiânia

Foto: Reprodução

A Pousada Monjolo é o ambiente ideal para relaxar ao lado da família e dos amigos. Há atividades para todos os gostos. O restaurante oferece comida caseira e muito saborosa e a paisagem conta com belos campos e jardins floridos.

Endereço: Rodovia GO 433 – km 2, Nerópolis – GO

Telefone: (62) 3513-9003 | 3513-2861 | 3513-2835 | 8406-1544 (Oi) | 8183-2859 (Tim)

2. Pousada Marco Polo – a 80 km de Goiânia

Foto: Reprodução

Sauna, restaurantes com comidas típicas, bar, sauna e opção de passeio a cavalo são só algumas das opções da bela e aconchegante Pousada Marco Polo.

Endereço: GO-020, KM 81, Cristianópolis-GO

Telefone: (64) 3652-1142 | (64) 8457-9397

3. Hotel Fazenda RR – a aproximadamente 100 km de Goiânia

Foto: Reprodução

Localizada no município de Abadiânia, os chalés do Hotel Fazenda RR são uma boa pedida para aquele descanso no fim de semana em meio à natureza. Comida caseira, cavalgada e sauna são algumas das opções de lazer.

Endereço: Fazenda Curralin dos Lapes, BR-060, 1,5KM de Abadiânia – BR-060, Abadiânia – GO

Telefone: (62) 3343-1397

4. Hotel Fazenda Raizama – a aproximadamente 135 km de Goiânia

Foto: Reprodução

Boa pedida tanto para quem sai de Goiânia, quanto para quem sai de Brasília, o Hotel Raizama, é uma área rica em mata nativa e natureza exuberante. Com 30 acomodações, é um bom lugar para quem curte atividades como jogos de mesa, sinuca, passeios a cavalo e karaokê.

Endereço: Rodovia BR-060, Alexânia – Goiás

Telefone: (61) 3347-0759 | (61) 8120-0126

5. Ranchos 30 – a 25 km de Goiânia

Foto: Reprodução

O Ranchos 30 é uma ótima opção para quem procura paz e harmonia perto de Goiânia. A apenas 20 minutos da capital, o local oferece hospedagem em chalés ou suítes, piscinas, salas de jogos, ofurô entre outros.

Endereço: BR 153, Km 523, Hidrolândia-GO

Telefone: (62) 9649-8697

6. Pousada Santa Branca – a aproximadamente 40km de Goiânia

Melhores Pousadas e Hoteis Fazenda em Goiás e no Entorno de Brasília
Foto: Reprodução

A Pousada Santa Branca fica dentro do Parque Santa Branca Ecoturismo. Os turistas que se hospedam na bela pousada tem acesso gratuito ao parque que conta com mata nativa preservada, cachoeiras, trilhas, tirolesa, restaurante-bar, sala de televisão, redário, piscina aquecida e outros.

Endereço: Fazenda Santa Branca, Zona Rural, Terezópolis de Goiás – Goiás

Telefone: (62) 3348-1114 | (62) 9985-9779

7. Pousada Serra da Irara – 110 km de Goiânia e 160 km de Brasília, em Corumbá de Goiás

Melhores Pousadas e Hoteis Fazenda em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

Na Serra da Irara você poderá contemplar a natureza pode oferecer de uma forma tranquila e saudável. Para quem curte história, o lugar conta com uma belíssima arquitetura rústica colonial, identidade cultural de Goiás. A comida típica goiana é servida em fogão a lenha e há diversas opções de lazer como piscinas, campos de futebol, adega, espaço para eventos temáticos gastronômicos e muito mais.

Endereço: Rodovia GO 225, km 17, Zona Rural Corumbá de Goiás (entre Corumbá e Pirenópolis)

Contato: (62) 8333-0022 (Tim)  | 9940-9075 (Vivo)

8. Fazenda Hotel Mestre das Armas – 200 km de Goiânia e no entorno e Brasília, em Padre Bernardo

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

A 120 KM de Brasília e a 160 Km de Goiânia, no coração do cerrado, está o Fazenda Hotel Mestre D’Armas. Um lugar aconchegante, com muito charme de fazenda e conforto de hotel e com muitas opções de lazer e relaxamento. Um lugar diferente, perfeito também para a realização de eventos, profissionais congressos, workshops, cursos e treinamentos.

Endereço: Rodovia GO-435, Km 30, Padre Bernardo – GO, acesso pela BR-060

Telefone: (61) 4063-6430

9. Fazenda Hotel do Tabapuã dos Pireneus – a 137 km de Goiânia, em Cocalzinho de Goiás

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

A Fazenda Hotel Tabapuã dos Pireneus fica localizada a 30 km da cidade de Pirenópolis, no município de Cocalzinho de Goiás. A propriedade faz divisa com o Parque Estadual dos Pireneus e o município de Pirenópolis – GO. Funciona de quinta a domingo e feriados, possui nove apartamentos e cinco chalés aconchegantes. Piscina de água corrente, pomar, muro de escalada, 8 cachoeiras, 6 trilhas ecológicas,  trilhas para passeios de carro off-road, trilhas de acesso ao parque estadual dos pireneus e muito mais.

Endereço: Rodovia BR-070, Km 5, Cocalzinho de Goiás – GO, com acesso pela BR-060 e BR-414

Telefone: (61) 9973-9303

10. Hotel Fazenda Point da Pesca Corumbá – a 144 km de Goiânia, em Santo Antônio do Descoberto

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

O hotel fazenda Point da Pesca Corumbá conta com uma infraestrutura completa para você e sua família passarem momentos alegria e prazer. São 45 apartamentos ,três tanques, com quase 12.000 mt² de área para pesca esportiva com peixes de até 70 kg. Hotel Fazenda conta ainda com piscinas semi-aquecidas, toboagua , brinquedoteca, playground, salão de jogos, passeio a cavalo, pedalinho, tirolesa de 200m, arvorismo e muito mais.

Endereço: BR-060, Km 9, Santo Antônio do Descoberto – GO, com acesso pela BR-060.

Telefones: (61) 3248-1899 | 9137-8569 | 9692-2100

11. Hotel Fazenda Cabugi – a 150 km de Goiânia, em Alexânia

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

O Hotel Fazenda Cbugi oferece piscinas aquecidas, salão de jogos, cavalgada e passeio de charrete, as opções de hospedagem incluem suítes de luxo e acomodações de semi luxo. Uma ótima opção para quem quer tranquilidade em uma zona rural.

Endereço: Rodovia GO-139, Km 10, Alexânia – GO

Telefone: (61) 3963-8070 | (62) 3336-1199 | (62) 3336-3210 | (62) 3336-3185

12. Hotel Fazenda Rancho dos Canários – a aproximadamente 260km de Goiânia, em Padre Bernardo

Melhores Hoteis Fazenda e Pousadas em Goiás e no entorno de Brasília
Foto: Reprodução

O Hotel Fazenda Rancho dos Canários conta com piscina, quadra de esportes, salão de jogos, lago para pesca e área para camping,cavalgada, passeios pelo pomar, e muito mais. Tudo isso cercado de muita natureza.

Local: BR-080, Km 28, Padre Bernardo – GO, com acesso pela BR-060.

Telefone: (61) 3344-9718 | (61) 3248-4000

13. Estância Park Hotel – 60 km de Goiânia e 140 km de Brasília, em Anápolis

Localizada a 60 km de Goiânia, O Estância Parque Hotel é um ambiente que esbanja natureza e tranquilidade. Com 130 mil m², o local oferece chalés com decoração rústica, mas super confortáveis. Há programação para todos os gostos e idades, como arvorismo adulto e infantil, tirolesa, parquinho infantil, salão de jogos, sauna a vapor, jardins orquidários, museu e outros. A culinária é caseira e de dar água na boca.

A Estância conta ainda com um Centro de Convenções para eventos com capacidade para até 300 pessoas e um estacionamento equipado com circuito que garante sua segurança.

Endereço: BR 414 – Sítios de Recreio Americano do Brasil, Anápolis – GO, 75096-100

Telefone: (62) 3318-1200

14. Hotel Fazenda Paraíso dos Sonhos – Corumbá de Goiás

Uma ótima opção para usufruir da natureza de uma forma aconchegante é no Hotel Fazenda Paraíso dos Sonhos. Um espaço rural que oferece diversas acomodações, piscinas, restaurante casual e muitas atividades, como caminhadas, cavalgadas, pesca esportiva, rapel, tirolesa, acqua ride, entre outros.

Endereço: Rodovia BR 414 km 391, Corumbá de Goiás – GO, 70340-000

Telefone: (62) 3338-1999

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Entretenimento

Cantora Aretha Franklin morre aos 76 anos

Considerada a rainha da música soul e uma das maiores vocalistas da história da música, Aretha morreu aos 76 anos em sua casa, nos EUA.

Por Ton Paulo
16/08/2018, 12h16

Considerada a rainha da música soul, a cantora e compositora norte-americana Aretha Franklin morreu hoje (16/8) aos 76 anos de idade em sua casa em Detroit (EUA). A cantora sofria de um câncer em estágio avançado.

Aretha Franklin foi diagnosticada com um agressivo câncer de pâncreas em 2010, e desde então começou a ficar debilitada e a diminir o ritmo de seus shows.

Sua última apresentação solo aconteceu na Filadélfia, em agosto de 2017.

Conheça a trajetória de Aretha Franklin

Aclamada como um ícone da música negra, Aretha foi eleita pela revista especializada Rolling Stone como uma das melhores vocalistas da história da música. Além disso, Aretha tornou-se a primeira mulher a fazer parte do Rock & Roll Hall of Fame, em 3 de janeiro de 1987. Ela chegou a receber os apelidos de “Rainha do Soul” ou “Dama do Soul”.

A cantora gravou seu primeiro disco aos 14 anos na igreja de seu pai, Clarence LaVaughn Franklin, um pastor batista.

Ao longo de sua carreira, Aretha Franklin recebeu 18 prêmios Grammy, incluindo um pelo conjunto da obra, Foia segunda cantora a possuir mais prêmios Grammy na história, atrás apenas de Alison Krauss.

Alguns de seus maiores hits, entre vários, foram “I say a little prayer”, “(You Make Me Feel Like) A Natural Woman”, “Day Dreaming”, “Jump to It”, “Freeway of Love” e “A Rose Is Still A Rose”.

Aretha Franklin recebeu uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood em 1979. O governo do Michigan havia decretado sua voz como um “fenômeno natural”. Em 1991, foi premiada com o Grammy Legend Award por “sua contribuição para a música” e quatro anos depois, recebeu uma medalha do Kennedy Center, uma das mais prestigiadas instituições de arte do país.

Em 2005, o então Presidente George W. Bush condecorou Franklin com a Medalha Presidencial da Liberdade por “seus serviços aos Estados Unidos”. No mesmo ano, a artista foi incluída no UK Music Hall, tornando-se a segunda artista feminina a conseguir tal reconhecimento; (a primeira havia sido Madonna).

Uma artista de grande quilate, Aretha já foi descrita também como “A voz do Movimento dos Direitos Civis”, “a voz da América Negra” e “um símbolo da igualdade racial”.

Em 2011, após recuperar-se de uma cirurgia, Aretha foi homenageada pelas cantoras Christina Aguilera, Florence Welch, Jennifer Hudson, Martina McBride e Yolanda Adams na cerimônia do Grammy Awards.

Ouça um dos maiores hits de Aretha:

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.