01/maio/2018 10h05

Motorista é preso com recorde de teor alcoólico de 2018 nas rodovias goianas

O carreteiro fazia zigue-zague na pista e por pouco não bateu no prédio na PRF.
embriaguez ao volante - 01/maio/2018 10h05

Um carreteiro, de 57 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no final da noite desta segunda-feira (30/4) na BR-153, em Porangatu, por embriaguez ao volante.

MOTORISTA É PRESO COM RECORDE DE TEOR ALCOÓLICO DE 2018 NAS RODOVIAS GOIANAS. Um carreteiro, de 57 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no final da noite desta segunda-feira (30/4) na BR-153, em Porangatu, por embriaguez ao volante. O homem que conduzia um carreta carregada com soja, saiu de Gurupi – no Tocantins, com destino a Bebedouros – São Paulo. Perto da Unidade Operacional da PRF os agentes perceberam que o condutor ziguezaqueva na rodovia e por pouco não bateu no prédio operacional na Polícia. Ao ser abordado, o motorista confessou que havia ingerido bebida alcoólica. Ele foi submetido ao teste do bafômetro que deu positivo e acusou teor alcoólico de 1,5 mg/l, atingindo o maior índice de alcoolemia já visto nas rodovias federais goianas em 2018. Imagem: PRF. 🚚🚨🍺 #bebado #motorista #rodovia #goias #recorde #embriaguezaovolante #prf #transito #segurança #2018 #Atualize #DiaOnline

A post shared by Dia Online (@portaldiaonline) on

O homem que conduzia um carreta carregada com soja, saiu de Gurupi – no Tocantins, com destino a Bebedouros – São Paulo. Perto da Unidade Operacional da PRF os agentes perceberam que o condutor ziguezaqueva na rodovia e por pouco não bateu no prédio operacional na Polícia.

Ao ser abordado, o motorista confessou que havia ingerido bebida alcoólica. Ele foi submetido ao teste do bafômetro que deu positivo e acusou  teor alcoólico de 1,5 mg/l, atingindo o maior índice de alcoolemia já visto nas rodovias federais goianas em 2018.

O  homem foi preso e conduzido à Central de flagrantes local.

Por: Thyélen Lorruama