10/abr/2018 14h04

Por falta de profissionais, Santa Casa fecha serviços de pediatria e de obstetrícia

A decisão foi informada aos médicos na manhã dessa terça-feira (10/4).
saúde - 10/abr/2018 14h04

A Santa Casa de Misericórdia anunciou na manhã dessa terça-feira (10/4) o fechamento dos serviços de pediatria e de obstetrícia.

O motivo que levou a esse fechamento seria a falta de profissionais à disposição, uma vez que os que estavam atendendo não conseguiam suprir a demanda do Sistema Único de Saúde (SUS).

A instituição informou ainda que os procedimentos agendados serão realizados até o final desse mês.

De acordo com a Santa Casa, a medida foi tomada após discussões com o Conselho Regional de Medicina de Goiás (Cremego). Essa medida faz parte da mudança de perfil do hospital.

“Em contrapartida, outros serviços passarão a ser oferecidos e terão o atendimento ampliado conforme as necessidades dos beneficiários do SUS”, diz nota emitida pela Santa Casa.

Por meio de nota, o Cremego informou que “há tempos vem acompanhando, fiscalizando e cobrando soluções para falhas no funcionamento da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, como a escassez de médicos e falta de estrutura”.

O Cremego informou ainda que em março foram feitas duas reuniões com representantes do corpo clínico, da diretoria do hospital e da Secretária de Saúde de Goiânia para tratar do encaminhamento de pacientes à Santa Casa pela regulação municipal.

“Enfatizando que o encaminhamento de pacientes com o perfil delicado de urgência e emergência para um hospital não estruturado para esse atendimento pode ter consequências gravíssimas, como o óbito dos doentes, o Cremego solicitou, no dia 2 de abril, uma reunião com o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, e com a secretária de Saúde, Fátima Mrué. O Cremego busca uma solução rápida para os problemas da Santa Casa, mas ainda não obteve resposta da prefeitura”, diz nota emitida pelo conselho.

Por: Jefferson Santos