08/fev/2018 17h02

Assessor de Trump se demite após ser acusado por ex-mulheres

Rob Porter era responsável por levar a documentação que chega à mesa do presidente.
demissão - 08/fev/2018 17h02

Rob Porter, um dos conselheiros mais próximos do presidente Donald Trump, se demitiu de seu cargo na Casa Branca após ter sido acusado de violência doméstica por duas ex-mulheres.

Ele era secretário de Gabinete de Trump, ou seja, a pessoa responsável por levar a documentação que chega à mesa do presidente, incluindo suas ordens executivas. No entanto, apesar da renúncia, Porter negou as denúncias contra ele.

Duas ex-mulheres o acusam de violência doméstica, física e psicológica. Uma delas, Colbie Holderness, enviou ao tabloide britânico “Daily Mail” fotos com as marcas das agressões. A imprensa norte-americana agora questiona como a Casa Branca admitiu um funcionário de alto escalão com tal histórico.

Porter já havia sido impedido por uma ordem judicial de 2010 de se aproximar de uma de suas ex-cônjuges, Jennifer Willoughby.

Fonte: UOL