09/jan/2018 10h01

Experiente lateral e jovem atacante são apresentados no Atlético

Dois novos jogadores foram apresentados no Atlético Goianiense, o experiente lateral Bruno e o jovem atacante Roger.
atlético goianiense - 09/jan/2018 10h01

O Atlético Goianiense segue apresentando seus reforços para a próxima temporada. No fim da tarde desta segunda-feira (8/1), no CCT do clube no Setor Urias Magalhães, o lateral Bruno Santos e o meia-atacante Roger foram apresentados.

Bruno Santos tem 30 anos e chega após passagem pelo Tupi-MG. Apesar da idade avançada, o jogador considera que esta em seu melhor momento da carreira, e chegou prometendo empenho para a torcida atleticana.

“Eu acho que com 30 anos eu estou no ápice da minha carreira, e quero agradecer ao Atlético e ao Adson pela oportunidade. Irei me empenhar ao máximo pra fazer valer a pena. É uma oportunidade única, temos (ele e Roger) um clube que da toda estrutura e condições de trabalho, um clube que investe em estrutura e vamos aproveitar para chegar bem na estreia”, disse o jogador.

Ao ser questionado sobre ter sido o único lateral esquerdo contratado, Bruno falou sobre uma prata da casa que treina com a equipe titular e seu empenho para impressionar João Paulo Sanches.

“Tem o Denilson, menino da base que é muito bom de bola, que ta treinando com a gente. Tenho que conquistar o meu espaço todos os dias, pra conquistar o treinador. Não tem essa de titular ou reserva”, finalizou Bruno.

O atacante Roger passou pelo Vila Nova, Goiânia e Botafogo-PB antes de chegar ao Atlético Goianiense. O jogador despontou com uma promessa na base colorada, mas não recebeu muitas oportunidades.

“Em 2016, eu tive chances no Vila, o que não aconteceu em 2017, acabei emprestado pro Botafogo-PB e fui pro Goiânia, mas quando retornei pro Vila, fui treinar separado. Nesse fim de ano, eu procurei trabalhar forte, buscando uma nova oportunidade pra minha carreira, porque não gosto de ficar acomodado”, disse o jogador.

Roger aproveitou para agradecer a passagem que teve pelo Vila Nova e se mostrou muito feliz com a oportunidade no Atlético Goianiense.

“É uma situação até ruim de falar, porque eu sempre trabalhei o mais sério possível e o que eu tive no Vila já passou, não guardo magoa nem nada, agradeço o Vila pela oportunidade que me deu. O ano que passou teve o lado ruim, mas me ajudou a focar mais no meu futuro e a oportunidade apareceu, eu to muito feliz aqui”, finalizou Roger.

Por: Felipe André