08/jan/2018 10h01

Prefeitura e Banco de Olhos reduzem 42% da fila de glaucoma em Goiânia

O objetivo é reduzir quase pela metade a fila de espera pelo serviço na rede pública.

glaucoma - 08/jan/2018 10h01

A Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia anunciou na sexta-feira (5/1) uma parceria entre a Prefeitura de Goiania e a Fundação Banco de Olhos que pretende reduzir 42% da fila de glaucoma da capital.

O objetivo é reduzir quase pela metade a fila de espera pelo serviço na rede pública.

Entre os dias 15 e 19 de janeiro, cerca de 700 pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), que aguardam na fila do glaucoma, passarão por atendimento médico especializado em oftalmologia.

Considerada uma das maiores causas de cegueira no mundo, o glaucoma é uma doença silenciosa e que leva a danos irreversíveis.

Ao todo, a fila do glaucoma conta com 1.700 pessoas na Capital. Em cinco dias de atendimento, o esperado é reduzir em 42% este número e tirar cerca de 700 pessoas da lista de espera. Com a intensificação das atividades, será possível redistribuir o atendimento e absorver as outras 1.000 pessoas ao longo do ano.

Por: Juliana Nogueira