08/jan/2018 08h01

Polícia de Goiás procura 10 presos que fugiram do presídio de Luziânia

O preso que filmou a fuga já foi identificado pela polícia.

crise carcerária - 08/jan/2018 08h01

A Diretoria-Geral de Administração Penitenciária de Goiás (DGAP) informou, em nota, que a polícia está em busca dos dez presos que fugiram do Centro de Inserção Social, em Luziânia, no entorno de Brasília, na manhã do último sábado (6/1).

Um vídeo, gravado por um preso por meio de um celular e que está circulando na internet, mostra o momento da fuga.

A diretoria informou que abriu um inquérito policial para investigar a fuga e a filmagem.

Conforme o comunicado, já foi identificado o preso que fez o vídeo e ele irá responder a sanções.

No Rio de Janeiro, foi preso ontem (7/1) Stephan de Souza Vieira, conhecido como BH e apontado como suspeito de comandar as rebeliões nos presídios de Goiás.

Ele estava sendo procurado desde que fugiu do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, em novembro de 2017.

Segundo a Polícia Civil do Rio, Stephan é apontado como líder de uma facção criminosa que atua em Goiás e é investigado por dezenas de homicídios em Goiás, na disputa territorial com outras facções.

A polícia informou que ele foi encontrado em um apartamento no bairro de Vila Nova.

No local, foram apreendidos aparelhos de telefone celular, joias, dinheiro e cadernos com a movimentação do tráfico de drogas.

A ação ocorreu em apoio a policiais civis do estado de Goiás e cumpriu um mandado de prisão expedido pela Justiça de Goiás.

Responsável pelas rebeliões em presídios de Goiás é preso no Rio

Fonte: Agência Brasil