04/jan/2018 11h01

Motociclista que andava na contra mão alega ter sido derrubado por agentes de trânsito

A abordagem foi na Rua T48 e a queda na Av. T7 próximo a Rua T29 , no Setor Bueno.
ordem de parada - 04/jan/2018 11h01

Um motociclista foi flagrado andando na contra mão e não teria obedecido ordem dos agentes de trânsito para parar.

O episódio foi na manhã desta quarta-feira (3/1), quando os agentes de trânsito auxiliavam a Comurg na retirada de uma árvore de grande porte, na Rua T48 esquina com Avenida T2, no Setor Bueno, em Goiânia.

Os agentes teriam ido atrás do motociclista. Como ele não parou, um dos agentes, que também estava de moto, ultrapassou e diminui a velocidade para que o homem parasse.

Neste momento, a moto pilotada pelo homem teria batido na traseira da moto do agente e ele caiu no chão.

Imediatamente, gravou dois vídeos alegando ter sido derrubado pelos agentes de trânsito. Os vídeos viralizaram nas redes sociais. No entanto, somente com a versão do motociclista.

Veja os dois vídeos:

A abordagem foi na Rua T48 e a queda na Av. T7 próximo a Rua T29 , também no Setor Bueno.

A Polícia Militar foi chamada e o homem conduzido para o 4º DP de Goiânia, que fica no mesmo bairro.

O homem, que não teve o nome divulgado, vai responder pelo crime de desobediência.

A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Trânsito disse que a ação dos agentes foi correta, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro.

“Se o homem tivesse parado no momento da abordagem, os agentes teriam conferido a documentação e a única punição seria um auto de infração por dirigir na contra mão”, disse a assessoria.

A SMT confirmou que os agentes não exerceram papel de polícia como alega o homem nos vídeos e que é papel deles a conferência da documentação, tanto do condutor quanto do veículo.

Lembrando que os documentos do homem e da moto estavam em dia.

Dia Online
Foto: Reprodução

Veja o artigo da Lei nº 9.503 de 23 de Setembro de 1997, do Código de Trânsito Brasileiro:

Art. 195. Desobedecer às ordens emanadas da autoridade competente de trânsito ou de seus agentes:

Infração – grave;

Por: Eurico Rocha