07/dez/2017 16h12

Pesquisa revela que as adolescentes são mães a partir dos 10 anos

Acredita-se que esse índice é alto por conta do machismo existente na sociedade.

gravidez precoce - 07/dez/2017 16h12

A maioria das adolescentes, cerca de 76%, que engravidam abandonam a escola, e 58% e não trabalham fora de casa

Os dados foram mostrados em reportagem do programa Profissão Repórter, da rede Globo, nesta quarta-feira (6/12).

A Pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), revelou que uma em cada cinco crianças brasileiras, são filhas de mães que engravidaram entre os 10 e os 19 anos.

A agente de saúde Lidiane Pereira Brito, da Ilha de Marajó (PA), diz que: “Ultimamente, as jovens estão ficando grávidas muito crianças. A gente recebe crianças de 12 anos. Conversamos, fazemos palestras, mas o índice é muito grande. E nesta faixa etária muitas, se recusam a fazer o pré-natal porque têm vergonha”.

No Acre, a Secretaria de Saúde implementou para conscientização nas escolas para as adolescente e também tenta conscientizar os homens.

Antonio de Oliveira, criador do projeto, diz que: “O moralismo e o machismo entram forte. O menino é incentivado a ter várias parceiras e a não ser pai”.

Mesmo com a implantação do projeto, os casos de gravidez reduziram apenas 11%, entre adolescentes nos centros de ensino do estado.

Por: Vanessa Cortes