06/dez/2017 15h12

Temer se recusa a levantar para Moro em evento de homenagem ao juiz

O presidente e membros de seu governo não levantam quando Moro é premiado.

constrangimento - 06/dez/2017 15h12

O juiz Sérgio Moro foi premiado como o brasileiro de 2017 pela revista “IstoÉ”, na noite de ontem (5/12), em São Paulo. Diversos políticos citados na operação Lava Jato estavam presentes na cerimônia, inclusive o presidente Michel Temer. A informação é do Uol.

A solenidade foi marcada constrangimento entre os homenageados. No momento em que Moro é premiado, Michel Temer e membros de seu governo se recusam a levantar.

Em seu discurso, Sérgio Moro disse que os condenados na segunda instância da Lava Jato devem ser presos, sugerindo para o presidente Temer adotar esse tema como “política de Estado”.

“Mas eu diria que mais que uma questão de justiça, é questão de política de Estado. Eu queria dizer para o presidente Temer utilizar o seu poder para influenciar que esse precedente jurídico não seja alterado”, disse.

Por: Lindomar Júnior